Conecte-se Conosco

Governo do Pará

Governador, em visita à cidade, promete concluir hospital de Abaetetuba

Publicado

em

Na manhã desta quarta-feira (9), o governador do Estado, Helder Barbalho.  esteve em Abaetetuba, nordeste paraense, onde realizou visita técnica às instalações do Hospital Municipal Santa Rosa. Helder vistoriou as obras que, segundo a prefeitura municipal, não foram concluídas pelo governo anterior.

 

Com recursos do tesouro estadual, o Governo do Estado assumiu a realização de obras de reforma e ampliação do hospital.

Além da reforma, o Estado instalará os equipamentos e ampliará o hospital

 

“É lamentável que o governo anterior tenha dito à sociedade que o hospital estava pronto. É absolutamente questionável a qualidade das obras de engenharia, com áreas de infiltração e salas sem a rede de esgoto. Nós faremos uma auditoria e uma análise, já que foram mais de 35 milhões de reais de recursos públicos utilizados aqui”, destacou o governador Helder Barbalho.

Helder Barbalho convocou o prefeito de Abaetetuba, Alcides Negrão, os vereadores do município e o Conselho Municipal de Saúde para que, nesta sexta-feira (11), possam discutir o cronograma para a conclusão das obras físicas e a aquisição do equipamento necessário para o atendimento. O governador ressaltou ainda a importância de identificar qual o excedente de atendimento no Hospital Santa Rosa que pode ser demandado para outros municípios da região.

Transparência – A saúde foi apontada como prioridade na gestão de Helder Barbalho. “Precisamos garantir qualidade no atendimento e ter transparência na aplicação de recursos. Lamentavelmente, estamos herdando uma situação em que mais de 70% dos recursos, cerca de um bilhão de reais por ano, são gastos só com hospitais e organizações sociais, que têm sugado as finanças do nosso Estado. Estamos repactuando isso para saber gastar com eficiência, para que sobrem recursos para novas obras e novos serviços”, pontuou o governador.

“Hoje, sentimos essa esperança de que o nosso hospital realmente vai funcionar. Porque Helder Barbalho é um governador que veio, sabe e conhece. Com esse comprometimento, ele passa para a população a segurança de que é uma pessoa que quer resolver. Como gestor do município, fico muito feliz e orgulhoso, porque agora a gente tem um governador que realmente quer resolver as pendências. Temos também a questão do asfalto da cidade, já que foi assinada uma ordem de serviço e o governo passado não fez. Todos esses projetos que foram parados nós iremos discutir para tentar dar à população de Abaetetuba uma resposta através do Governo do Estado, que realmente se faz presente em nosso município”, explicou o prefeito de Abaetetuba, Alcides Negrão, o Chita.

A obra – O Hospital Santa Rosa contará com uma nova unidade de saúde, de média e alta complexidade; UTI adulto; UTI neonatal e mais cinco salas para pré-parto, parto e pós-parto. Ele foi projetado para atender oito especialidades médicas: ginecologia; obstetrícia; pediatria; clínica médica; cirurgia geral; ortopedia; nefrologia e cardiologia. Dispõe de três salas de cirurgia; seis consultórios médicos; laboratório de análises clínicas, métodos gráficos para apoio de diagnósticos e banco de leite materno.

Orla de Abaetetuba

Além do Hospital, o governador Helder Barbalho também visitou as obras de construção da orla de Abaetetuba. A convite do prefeito Alcides Negrão, o chefe do poder executivo estadual pode ver de perto o andamento do projeto, que foi viabilizado através de recurso federal quando Helder ainda era ministro da Integração.

“Fiz questão de olhar a obra para cobrar que, o quanto antes, a mesma possa estar pronta, firmemente no intuito de saber que esta região da cidade, esta orla, tão sonhada, trará benefícios para os que aqui trabalham, circulam e que pelos rios chegam. E eu estarei, junto com o prefeito, trabalhando para que não faltem recursos do governo federal neste sentido”, disse Helder durante entrevista à imprensa local.

*Com informações de Bianca Teixeira (Secom)

Materno-Infantil de Barcarena realiza Cirurgias pediátricas

O pequeno Ricardo Souza, de apenas nove anos, morador do município de Moju (PA), foi referenciado pela Central Interna de Regulação da Secretaria de Saúde Pública do Pará (Sespa) para fazer um procedimento cirúrgico no Hospital Materno-Infantil de Barcarena (HMIB) Dra. Anna Turan, no início do mês de janeiro. Ele e outras duas crianças foram os primeiros pacientes de cirurgia pediátrica da Unidade.

“Quando nos direcionaram para cá e cheguei aqui com meu filho, fiquei impressionado com a estrutura da Unidade. Estamos acostumados a ser maltratados, a ter uma estrutura precária e aqui, pelo contrário, tudo é diferente. Estou mais aliviado com a cirurgia do meu filho”, comemorou o pai de Ricardo, o montador de estrutura metálica, José Arlindo Souza. A família mora a 56 quilômetros de Barcarena, cidade onde fica localizado o HMIB.

O pequeno paciente, que participou de atividades na Brinquedoteca enquanto aguardava a cirurgia, comentou sobre como a maneira como foi atendido. “Me trataram tão bem nesse hospital, eu posso até brincar com meus colegas que conheci aqui”, relatou Ricardo.

A Unidade tem capacidade de realizar cirurgias eletivas pediátricas de pequena e média complexidades, com grande importância no tratamento das patologias cirúrgicas infantis. “Foram três cirurgias de pequeno porte, sem nenhuma intercorrência, com uma equipe bem alinhada, estrutura física adequada para que tudo saísse da melhor forma possível. As crianças evoluíram bem no pós-operatório, sem dores e, por isso, ontem mesmo receberam alta”, explicou a cirurgiã pediátrica do HMIB, Ana Carolina Matos.

O Hospital Materno-Infantil de Barcarena Dra. Anna Turan conta com toda a estrutura necessária para próximas cirurgias eletivas. “Nossa perspectiva para semana que vem é realizar novas cirurgias, como retiradas de hérnias e lesões de pele, e essa será nossa rotina daqui em diante. Já temos inclusive crianças em acompanhamento pré-operatório no ambulatório”, reiterou a cirurgiã.

“A nossa perspectiva é que esse número de cirurgias pediátricas aumente cada vez mais para que consigamos chegar ao total de 40 a 50 procedimentos no final de cada mês”, afirmou a diretora Técnica do HMIB, Mary Mello.

 

Sobre a Pró-Saúde

A Pró-Saúde é uma das maiores entidades de gestão de serviços de saúde e administração hospitalar do País. Fundada em 1967, como Associação Monlevade de Serviços Sociais, em João Monlevade (MG), a Pró-Saúde é uma entidade sem fins lucrativos. Tem sob sua responsabilidade 2.500 leitos e o trabalho de cerca de 16 mil profissionais, sendo 2,9 mil médicos, além de reunir um dos maiores quadros de administradores hospitalares do Brasil, contribuindo para a humanização do atendimento hospitalar, em especial do Sistema Único de Saúde (SUS).

Com excelência técnica e credibilidade nacional, é uma entidade filantrópica qualificada como Organização Social de Saúde (OSS) e oferece uma gama de serviços em benefício da vida. A atuação na área de administração hospitalar tornou a entidade amplamente reconhecida no setor, permitindo que a Pró-Saúde ofereça a mesma qualidade em assessoria e consultoria, planejamento estratégico, capacitação profissional, diagnósticos hospitalares e de saúde pública, gestão de serviços de ensino e muitos outros. A entidade faz a gestão de quatro Centros de Educação Infantil, em São Paulo, cidade em que também fica localizada a sua Sede Administrativa.

 

Continue lendo
Clique para comentar

Governo do Pará

Agentes da Força Nacional começam a chegar ao Pará

Publicado

em

A tropa da Força Nacional começa a chegar no Pará nesta sexta-feira (22). Os agentes chegam a Belém por diversas rotas e meios, em dias alternados, vindos de Itaituba, no sudoeste paraense; do estado de Sergipe, no nordeste brasileiro; e de Brasília, Distrito Federal. Todos os 200 agentes e as 40 viaturas deverão se reunir, na próxima segunda-feira (25) quando ocorrerá uma solenidade de apresentação que marcará o início das atividades da Força Nacional na Região Metropolitana de Belém (RMB). O local do alojamento onde ficarão instalados os agentes federais não será informado por questões de segurança.

Inicialmente, os agentes da Força Nacional atuarão na implantação dos primeiros sete territórios de pacificação na Região Metropolitana de Belém (RMB), sendo cinco em Belém, um em Ananindeua e um em Marituba, nas áreas que apresentam os maiores índices de criminalidade.

Últimos Ajustes

A maneira como o efetivo será distribuído, bem como as primeiras ações a serem efetuadas serão definidas em uma reunião fechada na Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup), com a participação de um representante da FN e com o comandante da tropa no Pará, Major Keissiane. Nesta sexta (22) será finalizada a análise dos índices de criminalidade, na região metropolitana.

De acordo com o plano de trabalho, nas áreas já determinadas pelo Governo do Pará, por meio dos órgãos do Sistema de Segurança Pública, o emprego da Força Nacional ocorrerá por 90 dias, que poderão ser prorrogados se houver necessidade. A atuação se dará tanto nas ações de policiamento ostensivo quanto em áreas como a polícia judiciária e a perícia forense.

O pedido dos agentes da Força Nacional foi feito através do ofício 001/2019, no dia 2 de janeiro, como primeiro ato do governador Helder Barbalho, após tomar posse. “A partir de segunda-feira todos estarão aptos a desenvolver as suas atividades. Esperamos, com esse reforço no policiamento, intensificar ainda mais as ações em bairros previamente definidos, com índices de criminalidade altos, para que nós possamos reduzir ainda mais os números da violência e fazer com que a população possa ter realmente uma tranquilidade ao sair às ruas, ao ficar nas portas de suas casas e ter sua rotina diária de maneira segura”, enfatizou o secretário de segurança pública, Ualame Machado.

Por Aline Saavedra/Agência Pará

Continue lendo

Governo do Pará

Alepa participa de interiorização na região Oeste do Pará

Publicado

em

Priorizando uma gestão mais próxima do povo, a Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa) está, de 20 a 23 de março, nos municípios de Santarém,Trairão, Itaituba, Belterra e Porto de Moz, respectivamente. A programação faz parte da estratégia de interiorização e descentralização dos Poderes Executivo e Legislativo, para conhecer de perto as necessidades da região e da população local. As ações integram a gestão estratégica do governador Helder Barbalho com ações no interior, por meio do “ Governo Por Todo o Pará”, objetivando estar mais presente e mais próximo da população.

Vários deputados já confirmaram presença no cronograma de atividades.Entre eles, o presidente da Alepa, deputado Dr. Daniel Santos. No dia 21, quinta-feira, às 15h, a Assembleia Legislativa vai promover uma Sessão Especial no auditório da Universidade Estadual do Pará (Uepa), em Santarém.

O chefe do Parlamento Paraense destacou a importância da iniciativa e disse que a participação da Alepa nesse processo terá uma nova metodologia de trabalho no interior.

“O objetivo da programação é ouvir as associações, prefeitos, vereadores e a sociedade para poder traçar um diagnóstico. A partir daí, vamos elaborar ações efetivas que possam melhorar a vida da população do Oeste. Vamos fazer um novo formato, ouvir mais a população”, pontuou o presidente da Alepa, Dr. Daniel Santos.

Programação:

20 de março- Santarém

10h – Ato de instalação do Programa Governo por Todo o Pará, no Auditório do Campus Tapajós da UFOPA.

13h- Ato de boas-vindas da Prefeitura de Santarém.

14h- Reunião com Prefeituras e Câmaras Municipais da Região

21 de março- Santarém

9h- Audiência Pública do PPA Estadual 2020/2023

10h- Ação Cidadania do Programa ParáPaz, em parceria com diversos órgãos do estado, com serviços à população.

11h às 13h- Visita ao Hospital Regional do Baixo Amazonas, ao Estádio de Futebol Barbalhão, às obras do Ginásio Poliesportivo de Santarém e obras do Terminal Hidroviário de Santarém.

15h- Sessão Especial da Alepa

16h- Reunião ampliada com o Procurador Geral de Justiça e promotores da região do Baixo Amazonas

17h- Lançamento do projeto de Turismo do Sebrae para a região do Baixo Amazonas

22 de Março

Santarém, 8h- Inauguração do PrevBarco II INSS, na Orla de Santarém.

Trairão,11h- Entrega da reforma e ampliação da Escola Estadual Everaldo Martins.

Itaituba,14h- Visita à Prefeitura Municipal de Itaituba

Itaituba,15h- Visita às obras do Hospital Regional de Itaituba

Santarém,19h- Inauguração do Ginásio Poliesportivo do 3ºBPM Sgt Kenedy

23 de Março

Belterra,9h- Abertura da Colheita no município de Belterra

Porto de Moz,12h- Inauguração de Agência Porto de Moz do Banpará

 

 

Continue lendo

Governo do Pará

Baixo Amazonas vai propor metas ao novo Plano Plurianual do governo Helder Barbalho

Publicado

em

Obras do Estádio de Futebol Barbalhão, que passa por reforma e ampliação, serão visitadas pelo governador Helder Barbalho.

O segundo dia de programações do governo itinerante em Santarém inicia com audiência pública relacionada à elaboração do Plano Plurianual (PPA) 2020-2023, um dos principais instrumentos de planejamento de gestão proposta pelo governador Helder Barbalho (MDB). A participação popular em um momento tão determinante para as ações de Governo que serão realizadas ao longo dos próximos 4 anos é mais um dos propósitos atendidos pelo programa “Governo por Todo o Pará”.

O governador Helder Barbalho estará à frente da programação ouvindo as demandas da região de integração do Baixo Amazonas, a partir das 8h30 desta quinta-feira (21), no auditório do campus da Universidade do Estado do Pará (Uepa). Em seguida,  segue para a Ação Cidadania do Programa ParáPaz, que oferecerá serviços diversos à população em parceria com diversos órgãos estaduais.

Saúde

No final da manhã, Helder se dedicará a uma série de visitas a locais que são fundamentais para a rotina dos moradores da região. A primeira será às instalações do Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), referência no Norte do Brasil quando o assunto é tratamento de câncer e que assiste a uma população estimada em 1,1 milhão de pessoas residentes em 21 municípios do oeste do Pará. Depois, vai ao Hospital Regional do Tapajós, em Itaituba, em construção e orçado em mais de R$ 148 milhões, e que deverá focar na alta complexidade para uma demanda de 250 mil habitantes, incluindo os de outros cinco municípios: Novo Progresso, Trairão, Jacareacanga, Aveiro e Rurópolis.

Esporte 

A agenda do início da tarde inclui paradas nas obras de reforma e ampliação do Estádio de Futebol Barbalhão. O complexo, que passará a ter capacidade para 22 mil pessoas, vai contar com um novo centro de treinamento para atletas, vestiários, banheiros para o publico, espaço de restaurante e lanchonetes, novo sistema de iluminação, amplo estacionamento e elevador para pessoas com necessidades especiais.

O Ginásio Poliesportivo de Santarém também será visitado pelo governador. Iniciadas em 2013, as obras já foram concluídas em 80% e a engenharia responsável aguarda apenas a diminuição da quantidade de chuva para finalizar a estrutura metálica. O projeto contempla salas administrativas, banheiros, vestiários, lanchonete, estacionamento, duas bilheterias, recepção, saguão de entrada, setor de apoio ao turista e capacidade para 5 mil pessoas.

Infraestrutura

A última ida a canteiros de obra do dia será onde funcionará o Terminal Hidroviário de Santarém, uma área de 3,6 mil metros quadrados de área construída com sala de embarque e desembarque de passageiros, guichês para venda de passagens, guarda-volumes, banheiros, fraldário, praça de alimentação e espaço para órgãos intervenientes – incluindo a Agência de Regulação e Controle de Serviços Públicos do Estado (Arcon), Juizado de Menores, Conselho Tutelar, Receita Federal, Polícia Militar, entre outros. O terminal de cargas terá 5,6 mil metros quadrados de área para uso das empresas de transporte fluvial.

Aproximação – Helder Barbalho encerra o dia participando de uma sessão itinerante realizada pela Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa), às 15h, na Uepa, e depois, às 16h, de uma eeunião ampliada com o Procurador-Geral de Justiça do Estado do Pará, Gilberto Martins, além de promotores de Justiça da Região Administrativa do Baixo Amazonas.

As atividades do Governo por Todo o Pará seguem pelos dias 22 e 23, com entregas de obras e mais visitas. Estratégia de interiorização que objetiva aproximar a gestão estadual da população de todo o Estado, o programa chegará ainda a Marabá entre 3 e 5 de abril e, posteriormente, a Breves, nos dias 10, 11 e 12 do mesmo mês. Esses dois próximos destinos escolhidos visam o atendimento ao sul e sudeste do Estado e ao Marajó.

Carol Menezes/ Agência Pará

Continue lendo

Destaques

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com