Conecte-se Conosco

Turismo

Santarém/ Centro Cultural João Fona tem exposição de cerâmica tapajônica e fotografias

Publicado

em

Spread the love

 

O Centro Cultural João Fona completou 27 anos nesta segunda-feira (27) com exposição de réplicas em miniatura da cerâmica tapajônica, exposição de fotografias e apresentação do grupo Quarteto de Cordas da Filarmônica Municipal. Turistas da Argentina, servidores municipais, estagiários da Ufopa, visitantes da cidade, artesãos e ceramistas prestigiaram a programação.

Museu ou Centro Cultural?

Entenda!


Fundado em 1868, o prédio onde atualmente funciona o Centro Cultural João Fona tem 150 anos. A estrutura já foi sede do Ministério Público de Justiça (Fórum de Justiça), Intendência Municipal (Prefeitura de Santarém), Câmara Municipal e Prisão Pública.

Após observar que o prédio era utilizado exclusivamente para finalidades culturais, dando-se prioridade para as salas museológicas, fixas e transitórias – portanto não possuía características para ser chamado de Museu – a Lei Municipal de nº 13.791 de 27 de agosto de 1991 deu uma nova nomenclatura ao espaço, chamando-o de Centro Cultural João Fona (CCJF).

O prédio é administrado pela Prefeitura de Santarém por meio da Secretaria Municipal de Cultura (Semc), é uma das rotas turísticas nacionais e internacionais no município santareno e conta com 12 salas, entre elas:

Sala de objetos arqueológicos, com peças de muiraquitã, estatuetas, urnas mortuárias, machadinhos;
. Gabinete protocolar do prefeito, utilizado para receber grandes autoridades;
. Sala de exposição temporária;
. Sala de curiosidades, onde está o esqueleto da baleia Minke que encalhou no rio Tapajós;
. Sala de leitura Felisbelo Sussuarana.

“Cada comemoração deste espaço, seja como Centro Cultural ou com outra denominação significa a manutenção da Cultura santarena. Este prédio é histórico, tem 150 anos, e já abrigou diversos órgãos, hoje nos agracia com atividades voltadas a Cultura com ações e exposições sendo realizadas com freqüência, afinal a população necessita se nutrir de cultura, e o governo Nélio Aguiar tem se esforçado para proporcionar mais opções”, destacou o secretário de Cultura, Luís Alberto Figueira.

2ª Exposição de Réplicas em miniatura da Cerâmica Tapajônica

Durante as comemorações dos 27 anos foi aberta a 2ª Exposição de Réplicas em miniatura da Cerâmica Tapajônica, que conta com 200 peças, entre elas: vasos de cariátides, vasos de gargalo e estatueta antropomorfa. Estiveram envolvidos na oficina de produção das miniaturas dez participantes, entre, artesãos e demais pessoas com afinidades ao uso do barro (argila).

A exposição de réplicas da Cerâmica Tapajônica; exposição de fotografias; Pinturas e Cerâmicas: Um olhar ao Patrimônio Histórico; exposição “Cerâmica Tapajônica” seguem até 12 de Setembro; a exibição do “Passeio Histórico Virtual” encerra no dia 31 de Agosto. As réplicas da cerâmica Tapajônica estarão sendo vendidas nos valores de R$ 5 a R$ 200.

Continue lendo
Clique para comentar

Turismo

Alter do Chão vira capital turística do mundo durante Çairé 2018

Publicado

em

Spread the love

Alter do Chão está sendo o ponto de encontro de um grande número de turistas do Brasil e do mundo que estão movimentando a economia e renda da Vila Balneária por conta da Festa do Çairé. Desde a abertura do evento religioso e cultural, realizada ontem, quinta-feira (20), as pousadas e hotéis chegaram ao limite de acomodações. O vai e vem das catraias – pequena embarcação – e lanchas conduzem os visitantes e turistas para a Praia da Ilha do Amor e outros pontos turísticos próximos a Alter.

Expedição Rally Ambiental – Çairé dos Botos veio de Parintins (AM) conhecer a Festa do Çairé

O Advogado Afonso Rodrigues, natural de Parintins (AM), chegou na noite de quinta-feira (20) com um grupo de 50 pessoas através da Expedição Rally Ambiental – Çairé dos Botos. Vieram em carros, motos e gaiolas por meio do esporte. Afonso disse que é a primeira vez que prestigiam o evento e por isso a expectativa é grande. “Parintins e Alter do Chão tem uma relação cultural muito forte, em função destas duas grandes festas na Amazônia, que é o Çairé e o Festival de Parintins e sem falar nesta beleza natural exuberante que Alter possui. Nossa expedição, por meio do Rally, está trazendo 50 trilheiros e nessa aventura toda, chegamos todos sujos, “quebrados”, mas a gente tá aqui e esse prazer ninguém tira da gente. Tem pessoas que estão vindo pela primeira vez e estão encantadas. Até mesmo porque Alter do Chão tem essa magia, esse encanto e as nossas expectativas são as melhores”, destacou.

Nelma Viana e amigas são naturais de Macapá e encantaram-se com Alter do Chão

Nelma Silva Uchoa Viana é natural de Macapá (AP) e falou do seu encanto com as características rústicas da Vila Balneária de Alter do Chão e da segurança na navegação das catraias para a Ilha do Amor. “Eu achei muito bonita a natureza, uma tranquilidade que em cidade de maior porte a gente não vê. Não fomos abordados por vendedores, pois tem locais que a gente visita que até nos incomodam, e achei interessante aqui não ter. Achei interessante e bastante seguro a questão de todos usarem o colete para fazer a travessia para a Ilha. Os catraieiros com certeza foram capacitados para nos atender bem.”

A turista comentou ainda que por ser a primeira vez que visita Alter do Chão e a Festa do Çairé não pode fazer uma relação do antes e depois, no entanto irá recomendar a viagem para quem quiser. Nelma mencionou que está em Alter a convite da amiga Zoraima Cruz, que esteve outras vezes em turismo na Vila, gostou do Lago dos Botos e elogiou a estrutura.Catraias conduzem durante todo o dia turistas até a Praia da Ilha do Amor

Daniela de Sousa Coutinho, do Hotel Borari, informou que a capacidade de hospedagem no hotel está quase na totalidade e que turistas nacionais e internacionais estão hospedados no estabelecimento. “O Hotel já está com poucas vagas. Temos turistas da Holanda, de Brasília, Manaus e Mato Grosso”.

“Chegamos terça feira (18) em Santarém e ontem viemos para Alter do Chão. É a quarta vez que venho e as expectativas são as melhores, estamos prontos para aproveitar tudo o que Çairé tem a nos oferecer”, ressaltou o turista de Mato Grosso Luiz Alberto Domin.

Turistas do Rio de Janeiro apaixonaram-se pelas belezas naturais da Vila

Maria das Graças Grips Pinelli, da cidade de Nova Friburgo, região serrana do Rio de Janeiro, é estreante no Çairé e disse estar encantada com as belezas naturais de Alter do Chão. “Estou vindo pela primeira vez, estou começando a conhecer Alter do Chão. Chegamos ontem no fim do dia, por enquanto está tudo muito agradável, acredito que vai ser muito bom, mas ainda não tenho impressões definitivas. A natureza é muito bonita e vamos sair agora para passear de barco e ver como é o outro lado do rio, as belezas naturais. Somos onze pessoas encantadas por Alter do Chão”, frizou.

Pedro Pereira Castro, gerente do Hotel Mirante da Ilha, falou que de acordo com o que o hotel planejou está tudo a contento, quanto a reservas. “Nesse momento a expectativa está boa. Foram feitas todas a reservas e a maioria dos turistas que a fizeram já estão acomodados. Está muito boa a procura e a expectativa que a gente tinha foi alcançada. A maioria das reservas foram feitas por turistas do sul do Brasil, de Manaus, Belém e aqui da nossa região.

Veja outras caracteristicas do Çairé

Advan Andrade, chefe da sessão de Pesquisa da Secretaria Municipal de Turismo de Santarém (Semtur), está coordenando a coleta de dados para traçar o perfil da demanda turística do Çairé 2018 e disse que a presença dos turistas do Brasil e do exterior nesta sexta-feira (21) é notória. “O trabalho da pesquisa está sendo realizado na praça 7 de setembro e também na praça do Çairé. Até o momento está sendo muito satisfatório a pesquisa, estamos alcançando os nossos objetivos. Os turistas estão nos atendendo bem. Temos turistas do Chile, da Holanda, de Brasília, Manaus, dentre outros.”Equipe realizando pesquisa de demanda turística

Continue lendo

Turismo

Restaurante na ilha do Combu sofre boicote feminino por apoiar Bolsonaro

Publicado

em

Spread the love

Para milhares de mulheres paraenses que costumavam frequentar, no fins de semana e feriados, o restaurante Chalé da Ilha, na idílica  Ilha do Combu, em frente a Belém, do outro lado do lendário rio Guamá,  o local ficou amaldiçoado e proibido para pessoas de bem, depois que os proprietários mostraram que estão apoiando o candidato à presidência, Jair Bolsonaro (PSL),  que no dia 7 passado levou uma vacada de um sujeito em Luiz de Fora, Minas Gerais, e que, mesmo assim, está liderando as pesquisas de intenção de votos, seguido pelo petista Fernando Haddad.

O  apoio dos donos do restaurante Chalé da Ilha, foi través da publicação de um stories no Instagram. Em poucos minutos,  mulheres que fazem parte do movimento #elenão estão publicando em suas redes sociais mensagens de repúdio contra o restaurante e convocando para um boicote, mesmo que Bolsonaro não passe para o segundo turno, o que é muito difícil, Dessa maneira, o prosaico restairante, que sempre valeu mais pela natureza em que está contextualizado que pelas iguarias – e principalmente os preços – serve a seus frequentadores, vai se juntar varejos  como as Lojas Americnsas e C&A, e a redes de fast food como a MCDonald, alvos de retalição da população, principalmente a femina, por manifestar apoio a Bolsonaro. No total, o #elenão já tem mais de um lhão de participantes. Um antigo poeta já saudoso, costumava dizer que um par de pelos pubianos de uma mulher tem mais força que uma junta de bois. Ou seja, o restaurante  do Combu – e não é o único por lá- deveria rever seus conceitos antes que seja entregue às moscas,

Continue lendo

Turismo

Secretaria de Turismo de Santarém inicia ações do Çairé 2018

Publicado

em

Spread the love

Como forma de potencializar os atendimentos no período do Çairé 2018, a Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Turismo iniciou ontem uma sequência de Oficinas para profissionais que trabalharão no evento. As três oficinas fazem parte do projeto “QualiTur”: Manipulação de Alimentos, que ocorreu na terça (11), Técnicas De Vendas, na quarta (12) e Atendimento ao Cliente que encerrará o círculo de Oficinas, nesta quinta (13), que ocorre no auditório do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) em Alter do Chão, de 08h às 12 e 14h ás 18h.

Para o Secretário de Turismo Diego Pinho, a Semtur não mede esforços para realizar capacitações no intuito de melhorar os serviços de atendimentos aos visitantes e turistas. “Nós temos um planejamento voltado para a qualificação do mercado turístico, pois só assim teremos a garantia de prestar serviços de qualidade e o aprimoramento de técnicas para uma excelência no atendimento aos turistas e visitantes”, explicou Pinho.

A venezuelana Ana Torrelas Quintero, que trabalha com produtos de alimentação saudável, falou que as oficinas a ajudarão no melhoramento de suas técnicas de venda de seus produtos. “Precisava muito dessas oficinas, pois tenho um empreendimento de alimentação saudável, granóla, frutas desidratadas e geleias, e trabalho com essa atividade desde janeiro de 2018 e com os conhecimentos vou melhorar ainda mais, minha atividade”, explicou

.

 

As oficinas são ministradas por instrutores do Serviço Brasileiro de Apoio à Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). Além das oficinas, a Secretaria de Turismo desenvolverá as seguintes ações:

-Registro e divulgação do Cadastur: Cadastro dos prestadores de serviços turísticos em operação.
Período: 10 a 14 de setembro
Local: Vila de Alter do Chão

-Receptivo no Aeroporto Maestro Wilson Fonseca
Período 17, 18 e 19 de setembro
– Horário de 15h as 17h;
Período 20, 21 e 22
– Horários de 00h as 4h e de 15h as 18h
Durante a programação serão realizadas apresentação em Flash Mob, Exposição de Símbolos da Festa do Çairé, degustação de bolinho de piracui e rosquinha de tapioca, com distribuição de material informativo do setor turístico e de combate o tema violência.

-Pesquisa da Demanda Turística do Çairé
Período 20 a 24 de setembro de 2018
Locais: empreendimentos da Vila de Alter do Chão
Horário: 9h as 11 e de 18h as 22h
O setor de estatistas com estagiário do IFPA e EETEPA aplicarão questionário para coleta de dados, por meio de pesquisa junto aos turistas e visitantes da Festa, com objetivo de obter informações para subsidiar tomada de decisões e investimento no setor turístico de Santarém e Região.

-Centro de Informações Turísticas
Período 20 a 24 de setembro de 2018
Local: será na Praça do Lago dos Botos
Horário: 18h as 22h
Com exposição de peças do artesanato do Cristo Rei e um posto de informações turísticas

-Press Tip do Çairé 2018

Período 19 a 24 de setembro de 2018
Local: Festa Çairé e visitação em Pontos Turísticos de Santarém
Com a presença dos Jornalistas:
Ana Paula Dantas (Mari Pelo Mundo)
Patrícia Penna dos Santos (Turismo e Eventos)
Adriano Vizone (Folha de São Paulo)
Gustavo de Jesus Werneck (Jornal Estado de Minas)
Luíza Maria de Figueiredo Santos (Correio Brasiliense)
Fabíola Cristina Coelho Musarra (Qual viagens)
Emanuella barbosa Sombra e Ariel Martini (Azul Magazine)

Continue lendo

Facebook

Propaganda

Destaques