Santa Casa fez mais de 100 partos no feriado de Carnaval

Santa Casa fez mais de 100 partos no feriado de Carnaval

SHARE

Maior maternidade do Estado, a Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará divulgou os números do plantão do feriado nacional prologando. No total, foram 507 atendimentos e 203 internações. Deste total, 124 casos evoluíram para partos. Uma das pacientes foi Maria Ribeiro, que veio de Castanhal. Ela deu entrada na Santa Casa na segunda-feira, 17. “O atendimento foi bem rápido, tive um excelente acompanhamento dos profissionais. E também tive um bom parto. Eu e minha filha passamos bem, só estamos esperando a alta”, reiterou.

Nos quatro dias de Carnaval, o hospital contou com uma equipe multiprofissional, composta por médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, agentes administrativos e de posto, que se revezaram em turnos de 12 horas, para atender as demandas espontâneas relacionadas aos casos de obstetrícia. O hospital atendeu em regime de urgência e emergência.

Carmem Peixoto, gerente do Acolhimento Obstétrico, setor que atende a demanda espontânea, relacionada a mulheres em trabalho de parto, considera que a equipe atendeu com agilidade os usuários do Sistema Único de Saúde. “A quantidade de atendimentos ficou dentro do que havíamos planejado, considerando que a Santa Casa é uma referência estadual para os atendimentos às mulheres grávidas”.

A gerente do PPP (Pré-parto, parto e pós-parto) Lilian Pinheiro, relata que o alto número de atendimentos e internações ocorre de forma frequente na unidade. “Nossa média foi semelhante a de outros finais de semana, por isso já estávamos preparados. Tínhamos planejado tudo, tanto na escala da equipe como nos materiais de procedimentos”, afirmou.

Nilson Cortinhas
Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará