Brasil abre menos shoppings em 2015, mas vendas crescem

Brasil abre menos shoppings em 2015, mas vendas crescem

SHARE

O setor de shoppings centers no Brasil continua em expansão, apesar de estar havendo uma desaceleração na abertura de novos centros de compras. É o que mostra levantamento divulgado nesta quinta-feira (28) pela Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce).

Em 2015, foram inaugurados 18 novos shoppings, ao passo que em 2014, segundo a entidade, foram 25. A projeção da Abrasce no início do ano passado era de uma abertura de 26 empreendimentos. Já em 2013 foram abertos 38.

Mas a Abrasce comemora a alta de 6,5% nas vendas em relação a 2014, atingindo o total de R$ 151,5 bilhões. O Sudeste concentrou o maior faturamento em 2015: R$ 87 bilhões. E a associação estima que o mesmo ritmo de crescimento nas vendas ocorra este ano. Já o número de lojas cresceu 3,1%, totalizando 98,2 mil estabelecimentos comerciais.

O país terminou o ano passado com um total de 538 shopping centers, em 196 cidades – crescimento de 3,5% em relação a 2014, quando havia 520 empreendimentos em 188 cidades.

O Sudeste concentra 58% dos centros de compra, assim como o maior número de novos empreendimentos em 2015: 8. O Nordeste vem na sequência, com 7 inaugurações em 2015.

Dos novos shoppings, 12 foram abertos fora das capitais (67%) e 7 cidades receberam seu primeiro centro de compras.

Interiorização
De acordo com Glauco Humai, presidente da Abrasce, é prematuro falar em desaquecimento no setor, pois muitos shoppings são projetados 4 ou 5 anos antes da abertura. “Quanto maior o setor, aumenta a probabilidade de menor abertura de inaugurações. Acho que seja um processo natural a quantidade de inaugurações diminuir”, diz.

E a entidade informou não ter conhecimento de fechamentos de shoppings em 2015, como o registrado em Sorocaba, no final de 2015.

Fonte:g1