Conecte-se Conosco

BELÉM

Ambulancha Marajoara é entregue reformada à população ribeirinha

Fonte: Agencia Belem Foto: Reproducao

Publicado

em

A ambulancha fica estacionada na base descentralizada do Samu, no porto da ilha de Cotijuba. Serve de apoio para a equipe que está disponível 24 horas para ocorrências.

A Prefeitura de Belém, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Sesma), entregou na manhã de quarta-feira, 22, no Iate Clube, a ambulancha Marajoara totalmente reformada para atender as comunidades ribeirinhas, oferecendo maior suporte às necessidades de remoção de pacientes que necessitem de atendimentos de urgência e emergência.

O titular da Sesma, Sergio Amorim, disse estar satisfeito ao entregar aos servidores do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) e à população ribeirinha um equipamento reformado, seguro e com uma estrutura moderna para atendimento e transporte dos pacientes.

“Reformamos totalmente a lancha para colocar à disposição da população um serviço de qualidade e para oferecer aos servidores um instrumento de trabalho que proporciona um atendimento ágil e eficaz”, disse. Amorim destacou que a comunidade pode acionar a ambulancha via o número 192, do Samu.

A ambulancha Marajoara possui cerca de sete metros de comprimento e capacidade para até seis pessoas, dentre equipe médica, paciente e acompanhante. “O equipamento oferece o transporte de pacientes e assistência pré-hospitalar móvel em águas ribeirinhas, podendo atracar também em margens e praias, atendendo às urgências de natureza traumática, clínica, pediátrica, cirúrgica, gineco-obstétrica e psiquiátrica”, explicou o coordenador geral do Samu, Leonardo Lobato.

A ambulancha fica estacionada na base descentralizada do Samu, no porto da ilha de Cotijuba. Serve de apoio para a equipe que está disponível 24 horas para ocorrências.

Para a socorrista Simone Cruz, que atua há 26 anos no Samu e faz parte da equipe de Cotijuba, receber a lancha reformada é uma grande satisfação para os servidores e para a comunidade ribeirinha, que será a mais beneficiada. “A lancha permite um rápido acesso e locomoção e possibilita um atendimento direcionado promovendo sempre a sobrevida do paciente”.

Há sete anos no Samu e há três como condutor de ambulancha, Azonildes Azevedo ressaltou a importância do equipamento para a população ribeirinha. “A população das ihas convive com situações adversas e necessitam quase que exclusivamente do nosso transporte. A Marajoara dará todo esse suporte que eles precisam”.

Durante a reforma da Marajoara, apenas a ambulancha Thaynara prestava o serviço de atendimento de urgência e emergência à comunidade. Com a entrega da Marajoara, o Samu contará com as duas ambulanchas, uma como titular e a outra como reserva.

Copyright © 2018. A Província do Pará Todos Direitos Reservados . Desenvolvido por Corpes Digital