Conecte-se Conosco

Sem categoria

Aumentam contratações no mercado formal de trabalho

Publicado

em

  

Os últimos 5 meses (de abril a agosto deste ano) apresentaram saldo positivo na geração de emprego. Em agosto foram novos 6.237 trabalhadores (as) ingressando no mercado de trabalho.


Josué Silva de Araújo/ Da Redação
 
Uma notícia otimista para os paraenses: desde abril passado aumentou o número de pessoas contratadas (com carteira assinada).   É o que mostra pesquisa do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Sócio Econômicos (Dieese), escritório regional do Pará. 
“Em agosto”, revela o estudo, “completou cinco meses em que houve mais contratações que demissões”.
Neste mês – agosto/2018 – as admissões cresceram, no Pará, 0,88%. A pesquisa inclui todos os segmentos da economia. 
Confira os números. Foram 26.809 admissões – e 20.572 demissões (desligamentos).
Portanto o saldo é positivo, com 6.237 trabalhadores (as) ingressando no mercado de trabalho, num país meio esfacelado. 
Os desempregados, no Brasil, oscilam entre 12 milhões e 14 milhões de cidadãos (ãs).     
Comparando-se a 2017 – mês de agosto – o resultado (de 2018) foi muito bom. Ano passado (em agosto), 22.542 pessoas se empregaram. Mas, inversamente, 23.066 foram desligadas. Saldo negativo de 524 postos de trabalho extintos.    
Um dos ramos que mais contratou foi o da construção civil, em agosto passado. Foram 1.986 admissões formais.  
Em seguida o setor de prestação de serviços, com 1.230 contratações. A indústria de transformação gerou 1.138 postos de trabalho. 
O segmento agropecuário absorveu 910 trabalhadores. 
Na Região Norte – formada por 7 estados (Amazonas, Acre, Tocantins, Amapá, Pará, Rondônia e Roraima) – a maioria teve crescimento na geração de empregos formais.
O Pará é um dos destaques, encabeçando a lista dos que mais geraram postos de trabalho (foram 6.237 empregos). 
Depois, o Amazonas, com 1.792 postos. O Amapá, 549. Mas o Acre perdeu 172 postos (saldo negativo, portanto).
O balanço mostra que em agosto deste ano houve 59.201 admissões – e 49.893 desligamentos. Portanto o saldo é positivo, com mais 9.308 pessoas ingressando no mercado de trabalho, formalmente (carteira de trabalho assinada). 
Em percentagem isso representa um aumento de 0,54%.  
O Dieese tem mais informações sobre emprego/desemprego, no Pará. Veja, de janeiro a agosto deste ano, 181.574 pessoas entraram no mercado de trabalho. 
E 168.651 foram desligadas (demitidas). 
O saldo, porém, é positivo. Se empregaram, nesse período, 12.923 trabalhadores (as). 
Ano passado, 2017, a situação foi inversa. Entre janeiro/agosto foram 173.339 contratações, contra 180.007 demissões. Saldo: 6.668 desempregados no Pará. 
Segundo a entidade (Dieese), nos 8 meses de 2018 – janeiro a agosto – a maioria dos ramos da economia cresceram. 
A prestação de serviços foi o destaque, com 7.954 contratações. A construção civil admitiu novos 4.377 trabalhadores (as). 
O segmento que apresentou saldo negativo nesse período (janeiro/agosto de 2018), no Pará, foi o do comércio (varejista e atacadista). Este teve queda (perda) de 1.901 empregos formais.   
O setor de serviços de indústria e utilidade pública também teve perda de empregos, com saldo de – 74. 
Confira a estatística, nos 8 primeiros meses, no Pará.  
Setor de extrativa mineral: 1.952 admissões/1.725 demissões
Indústria de Transformação: 20.841 admissões/19.546 demissões
Serviços de indústria e utilidade pública: 1.324 admissões/1.398 demissões
Construção civil: 30.784 admissões/26.407 demissões 
Comércio: 47.482 admissões/49.383 demissões
Serviços: 60.841 admissões/52.887 demissões
Administração pública: 79 admissões/74 demissões
Agropecuária: 18.171 admissões/17.231 demissões. 
Em toda a Região Norte, 439.045 pessoas entraram no mercado de trabalho, entre janeiro e agosto deste ano. 
Mas 414.931 foram dispensadas. O saldo foi positivo: 24.114 pessoas conseguiram emprego, no período, um aumento percentual de 1,41%.
Continue lendo
Clique para comentar

Copyright © 2018. A Província do Pará Todos Direitos Reservados . Desenvolvido por Ideia Virtual