Conecte-se Conosco

EDUCAÇÃO

Dicas para uma redação nota mil no Enem 2018

Publicado

em

Leituras, revisões e maratonas ajudam a tirar as últimas dúvidas dos alunos que irão disputar uma vaga na universidade pelas provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Entre as várias disciplinas estudadas, uma desperta a atenção dos estudantes: a temida redação. A prova será realizada neste domingo (4), primeiro dia do exame que terá sua segunda etapa no dia 11.

Redação elimina

A redação vale mil pontos e a nota zero significa a eliminação do certame. Em 2017 das 4,72 milhões de redações corrigidas, 309.157 tiveram notas zero. A fuga ao tema da prova foi o motivo para zerar a redação.

Aluno do cursinho Pré-Vestibular Municipal da Prefeitura de Belém, Daniel Victor (foto acima), disputará pela primeira vez uma vaga no curso de Direito. O pré-universitário procura ter uma atenção especial com a disciplina. “A redação pode aumentar a tua nota ou diminuir muito. É realmente algo que me preocupa, mas com um bom preparo e bom estudo não se torna tão difícil”, comenta.

Todas as redações serão corrigidas por dois avaliadores. Cada avaliador atribuirá uma nota entre 0 e 200 pontos para cada uma das cinco competências. Caso a nota final de cada avaliador tenha discrepância de mais de 100 pontos, ou caso a nota de cada avaliador em uma das competências tenha discrepância de mais de 80 pontos, a redação passará por um terceiro avaliador.

Se a discrepância persistir, uma banca presencial com três professores avaliará a redação mais uma vez, para definir a nota final do candidato.

Segundo a professora de redação do Pré-Vestibular Municipal, Suellen Couto, a grande dificuldade dos alunos é com a primeira competência na redação do Enem, que exige a norma culta.

Veja as competências cobradas:

Competência 1: Demonstrar domínio da modalidade escrita formal da língua portuguesa;

Competência 2: Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo em prosa;

Competência 3: Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista;

Competência 4: Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação;

Competência 5: Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado que respeite os direitos humanos.

Segundo a professora de redação do Pré-Vestibular Municipal, Suellen Couto, a grande dificuldade dos alunos é com a primeira competência na redação do Enem, que exige a norma culta. “A competência é tida como a grande vilã que impede a nota mil, pois não é permitido nenhum erro gramatical”, explica a docente, que prossegue com uma dica importante: “Sempre que produzir um texto, quando passar de uma ideia para outra, coloque o ponto em seguida. Isso deixa o texto mais organizado”.

Outro item importante e que preocupa os alunos é a proposta da redação. Assuntos atuais têm grandes possibilidades de se tornarem tema, mas a professora avisa que os candidatos precisam estar preparados para tudo. “Os alunos precisam produzir textos sobre qualquer tema. Variações linguísticas ou preconceito linguístico, a questão indígena e a alimentação, são conteúdos que podem cair nesse Enem”, comentou Suellen, que completa com um alerta. “Tem que analisar bem a frase temática e não fugir do tema, pois isso pode ocasionar nota zero”.

No Pré-Vestibular de Belém, o ensino da redação é trabalhado em parceria com outras disciplinas, o objetivo é passar uma visão filosófica e sociológica para o aluno, fazendo com que ele tenha uma base para relacionar o seu pensamento com o de teóricos. “A gente percebe que a maioria dos alunos tem dificuldades em leitura, então, implantamos uma parceira onde trabalha os professores de redação, filosofia, sociologia e legislação. Escolhemos um tema e cada professor escolhe um teórico que trate essa temática, fazendo com que o aluno esteja preparado para produzir uma redação”, explica.

A professora finaliza com um alerta: “O aluno se dedica tanto na redação que acaba esquecendo outras disciplinas, portanto, é importante estudar tudo, pois a nota final é uma somatória de todo conteúdo”.

PROVA

A prova de redação será aplicada no próximo domingo, 04, juntamente com as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias.

Continue lendo
Clique para comentar

Copyright © 2018. A Província do Pará Todos Direitos Reservados . Desenvolvido por Ideia Virtual