Conecte-se Conosco

CÍRIO DE NAZARÉ

Dieese prevê 80 mil turistas em Belém na semana do Círio

Publicado

em

Esta já é a semana do Círio. Todos os preparativos já estão em reta final e a partir de agora,  de acordo com estudos conjuntos do Departamento Intersindical de Estudos Estatísticos e Econômicos (Dieese/PA) e Secretaria de Turismo do Governo do Estado do Pará (Setur), começam a desembarcar em Belém cerca de 80 mil turistas para a grande festa dos paraenses, neste domingo (14).

O estudo analisou e analisa a situação de turistas para o Círio oriundos de outros estados do País, e conclui que a maioria utiliza como meio de transporte em seu deslocamento o avião com (59,00%), seguido de ônibus de empresa (14,20%); automóvel particular (8,90%); ônibus de excursão (10,50%); navio (3,40%) e outros meios não especificados ( 4,00%.)

Os turistas que tem participado do Círio de Nazaré em Belém são originários de praticamente todos os estados brasileiros, com destaque para Maranhão (16,40%), seguido de São Paulo (11,30%), Rio de Janeiro (9,80%); Ceará (9,00%); Amazonas (5,50%); Minas Gerais (5,10%).  Bahia (4,70%), Pernambuco (4,40%); Paraná (3,40%) e Santa Catarina (3,20%).

Do número de turistas que esteve no Círio do ano passado 51,87% eram do sexo feminino e 48,13% do sexo masculino. A faixa etária destes turistas foi a seguinte: de 18 a 25 anos de idade (8,86%); de 26 a 34 anos (24,48%); de 35 e 50 anos de idade (39,10%); de 51 a 65 anos (18,71%) e com mais de 65 anos de idade (8,86%).

Quanto à situação profissional, 78,5% se disseram empregados e 21,5% desempregados. Com ganhos até um salário mínimo (9,86%); com ganhos de 1 a 3 salários mínimos (20,12%); com de 3 a 5 salários mínimos (27,32%0); de 5 a 8 salários mínimos (22,23%); de 8 a 12 salários mínimos (11,67%) e com ganhos acima de 12 salários mínimos eram 7,75%.

Ainda segundo o estudo, os turistas no Círio são das mais variadas profissões como professores, médicos, funcionários públicos, advogados, engenheiros e outros profissionais.

Quanto aos meios de hospedagem, o estudo mostrou que no Círio do ano passado, cerca de 38,2% dos turistas ficaram em hotéis, seguido da casa de parentes (35,1%) e casa de amigos (20,3%).

A maioria (51,54%) dos turistas que vem a Belém para o Círio viaja com a família; sozinhos (33,83%) e em grupo (14,63%).

Segundo o estudo DIieese/PA-Setur, a maioria dos turistas que vem a Belém para o Círio tomou conhecimento do evento através de amigos e parentes (53,20%); através das mídias digitais (20,45%) e através da televisão (21,30%). Cerca de 98% dos turistas que vem ao Círio têm intenção voltar.

Caminhos dos romeiros

O Estudo elaborado pelo DIEESE/PA e SETUR também traçou o Mapa dos caminhos percorridos pelos turistas em sua visita a Belém para o Círio.

 

1- Basílica de Nazaré – 25,0% ,

2 – Ver–o-Peso –  20,2 %

3 – Estação das Docas – 22,0 %,

4 –Mangal das Garças – 9,1%,

5- Museu Emilio Goeldi – 4,0% ,

6– Portal da Amazônia – 7,0 %,

7 – Museu de Arte Sacra – 2,6%,

8 – Polo Joalheiro – 5,7%,

9- Hangar 4,4%

10– Outros – 2,3%

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ESTIMATIVA DE PARTICIPAÇÕES E DE GASTOS DE TURISTAS NOS CÍRIOS

PARTICIPAÇÕES 2018

 

A estimativa do número de turistas que visitarão Belém por ocasião do Círio de 2018 é de 80,4 Mil. Este número representa um aumento de cerca de 2,6% em relação ao número de turistas que estiveram em Belém por ocasião do Círio de 2017. Estiveram em visita a Belém por ocasião do Círio 2017, cerca de 78,4 Mil Turistas.

 

Nos últimos 10 anos (2007-2017), o número de turistas no Círio de Nazaré apresenta um crescimento de 21,3%.

 

               

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

GASTOS MÉDIOS

 

 

– O Gasto Médio dos cerca de 78,4 mil turistas que estiveram em visita a Belém por ocasião do Círio 2017, foi de cerca de U$ 29,5 milhões de dólares.

 

2018

– A estimativa é de que o Gasto Médio dos cerca de 80,4 mil turistas que visitarão Belém por ocasião do Círio de 2018 seja de aproximadamente U$ 30,4 milhões de dólares. Este montante representa um crescimento de aproximadamente 3,0% em relação ao montante deixado por turistas no Círio 2017.

– Nos últimos 10 anos (2007-2017), o gasto médio dos turistas no Círio de Nazaré apresenta um crescimento de 26,6%.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Continue lendo
Clique para comentar

Copyright © 2018. A Província do Pará Todos Direitos Reservados . Desenvolvido por Ideia Virtual