Conecte-se Conosco

BRASIL GERAL

Em crise, Globo corta festa de fim de ano dos funcionários

Crise afetou até a festa de fim de ano da Globo Foto: Reprodução

Publicado

em

A crise sem precedentes que se estabeleceu na Rede Globo parece que não se limitou a onda de demissões que passou pelos corredores da emissora. De acordo com o jornalista Léo Dias, até mesmo a festa de fim de ano precisou ser cortada para contenção de gastos.

Ainda não foi emitido nenhum comunicado oficial, mas os funcionários já sabem que o cancelamento da tradicional festa no sítio Lajedo, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, é algo praticamente certo. Entretanto, as cestas natalinas estão garantidas, mas ainda não é garantido que haverá um cartão para compras em supermercados. O do ano passado foi de R$ 500.

A série de demissões faz parte de um projeto de reestruturação do Grupo, que unificará a TV Globo, a Globosat, a Som Livre, a GloboPlay, a Globo.com e a Diretoria de Gestão Corporativa (DGCorp). A estimativa é que o total de demissões chegue a 4.000 colaboradores.

Copyright © 2018. A Província do Pará Todos Direitos Reservados . Desenvolvido por Ideia Virtual