Conecte-se Conosco

ESPORTES

Fortaleza perde para o CRB, mas segue lider da Série B

Publicado

em

Fortaleza conheceu sua quinta derrota em 22 partidas do Campeonato Brasileiro da Série B na noite desta terça-feira. Jogando fora de casa, no Estádio Rei Pelé, a equipe de Rogério Ceni não teve boa atuação diante do CRB e foi castigada com um gol do estreante Iago aos 49 minutos do segundo tempo, que decretou a vitória dos mandantes por 2 a 1. Neto Baiano, para os alvirrubros, e Gustavo Henrique, em favor dos visitantes, completaram o placar.

Com o resultado, o Fortaleza estaciona nos 43 pontos e vê encerrada uma sequência de seis jogos sem derrota, mas segue tranquilo na liderança. Já o Galo volta a triunfar após seis partidas, respira na luta contra o rebaixamento e chega aos 25 pontos, assumindo a 15ª colocação.

Na próxima rodada, o Tricolor do Pici volta ao Castelão para encarar o embalado Londrina, em duelo marcado para às 19 horas (de Brasília) deste sábado. O CRB, por sua vez, retorna aos gramados um dia antes, quando enfrenta o Atlético-GO, no Estádio Antonio Accioly, às 21h30.

Primeiro tempo de pouca inspiração 

Atuando em casa, o CRB começou a partida pressionando a saída de bola do Fortaleza, que se via em situação complicada para colocar em prática sua principal qualidade, a troca de passes para a construção das tramas ofensivas.

Diante de uma defesa sólida e bem postada, a pressão inicial dos mandantes resultou em apenas uma boa chance de gol. Lucas foi acionado na ponta esquerda e cruzou para Edson Ratinho. Na segunda trave, o meio-campista cabeceou no contrapé de Marcelo Boeck, que fez golpe de vista e assistiu a bola sair rente à trave.

Passados os momentos de aperto, o Tricolor do Pici conseguiu brecar o ímpeto de ataque do adversário, que abusava dos cruzamentos facilmente cortados pela dupla de zaga formada por Roger Carvalho e Ligger. Bem defensivamente, a equipe de Rogério Ceni ganhou confiança para ir ao campo ofensivo e assustar o goleiro rival em duas oportunidades.

Na primeira, o volante Derley arriscou de longe e obrigou João Carlos a mostrar todo seu reflexo para espalmar. Na sequência, Bruno Melo chegou à linha de fundo e cruzou para o centroavante Gustavo Henrique cabecear por cima da meta alvirrubra.

CRB marca nos acréscimos e garante vitória

Insatisfeitos com o desempenho dos homens de frente de suas equipes, os treinadores voltaram do intervalo com mudanças no setor. Rogério Ceni percebeu a dificuldade na criação e sacou o atacante Éderson para a entrada do meia-armador Dodô, enquanto Doriva tirou Elias para a entrada de Willians Santana.

Depois de 20 minutos em que as mudanças não surtiram o mínimo efeito, os comandantes voltaram a mexer nas escalações. Nos mandantes, Edson Ratinho e Felipe Menezes saíram para as entradas de Iago e Marcelo, respectivamente, enquanto Nenê Bonilha deu lugar a Romarinho no Fortaleza.

Com fôlego novo, o CRB retomou a pressão na saída de bola do adversário e chegou ao gol aproveitando bobeada da zaga rival. Marcelo Boeck cobrou tiro de meta, Claudinei cabeceou e Neto Baiano ganhou na velocidade de Ligger e Roger Carvalho para encobrir o goleiro e abrir o placar.

Mesmo sem muita inspiração, o Tricolor do Pici arrancou o empate aos 39 minutos, quando Romarinho avançou pela direita, cruzou no meio da área e Gustagol empurrou de cabeça para o fundo das redes de João Carlos. No entanto, a alegria não durou muito, uma vez que Iago aproveitou rebote de Marcelo Boeck para decretar a vitória alvirrubra no apagar das luzes.

FICHA TÉCNICA
CRB 2X1 FORTALEZA

Local: Estádio Rei Pelé, Maceió (AL)
Data: 21 de agosto de 2018 (terça-feira)
Horário: 20h30 (Brasília)
Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)
Assistentes: Wendel de Paiva Gouvea e Daniel do Espirito Santo Parro (RJ)
Cartões Amarelos: Felipe Menezes e Willians Santana (CRB). Marcelo Boeck (Fortaleza)
Gols:
CRB: Neto Baiano aos 21 minutos do 2ºT e Iago aos 48 minutos do 2°T.
Fortaleza: Gustavo Henrique aos 39 minutos do 2°T.

CRB: João Carlos; Diogo Mateus, Everton Sena, Anderson Conceição, Paulinho; Claudinei, Lucas, Edson Ratinho (Iago), Felipe Menezes (Marcelo); Neto Baiano e Elias (Willians Santana)
Técnico: Doriva

FORTALEZA: Marcelo Boeck; Pablo, Roger Carvalho, Ligger, Bruno Melo; Nenê Bonilha (Romarinho), Derley, e Marlon; Éderson (Dodô), Marcinho (Wilson) e Gustavo Henrique
Técnico: Rogério Ceni

Guarani bate Atlético (GO e assume 5ª posição da Série B

Jogando no Brinco de Ouro, o Guarani venceu o Atlético-GO e assumiu a quinta colocação do Campeonato Brasileiro Série B. Os gols do triunfo por 2 a 0 da partida da 22ª rodada foram marcados por Bruno Mendes e Fabrício. Com o resultado desta terça-feira, o time de Campinas foi a 35 pontos, um a menos do que o quarto colocado Avaí. Já o Dragão cai para o sexto posto e permanece com 34 pontos.

Na próxima rodada, o time paulista enfrentará o Guarani no Dérbi Campineiro, no sábado, às 16h30 (de Brasília), no estádio Moisés Lucarelli. Por sua vez, o Atlético-GO receberá o CRB, na sexta-feira, às 21h30, no estádio Antônio Accioly.

O jogo

O Guarani começou bem a partida e chegou ao ataque aos cinco minutos. Depois de desarme no meio, o Bugre puxou contra-ataque e Rondinelly lançou Bruno Mendes, que cruzou. Bruno Xavier fez a finalização de carrinho, mas Jefferson fez a defesa. O Atlético-GO estava criando sua primeira oportunidade aos oito, mas o lance parou por causa de um impedimento.

Os mandantes acertaram o travessão aos dez. Kevin recuperou a bola no campo de ataque e cruzou após ir à linha de fundo. Bruno Mendes arrematou de chapa e a bola quicou antes de bater no travessão. Cinco minutos depois, em cobrança de falta de Pará, o atacante cabeceou e voltou a assustar o goleiro adversário.

A equipe de Campinas seguia no ataque e voltou a levantar a torcida aos 21. Pará mandou uma bomba de primeira e Jefferson espalmou. Na sobra, Bruno Xavier mandou na rede do lado de fora. Já aos 27, Bruno Mendes cabeceou na trave após cobrança de falta.

O gol finalmente saiu aos 36 minutos. Após a bola ser levantada na área. Bruno Xavier dominou e bateu no giro. Na sobre, Bruno Mendes apenas precisou empurrar a bola para o gol aberto.

No final da primeira etapa, os visitantes quase conseguiram empatar. João Paulo ganhou na velocidade do marcador e cruzou após entrar na área pela direita. Após ninguém do Dragão desviar, Kevin colocou para escanteio quase mandando contra sua própria meta.

A equipe da casa voltou bem para a segunda etapa e ampliou o placar rapidamente. Com menos de um minuto, Ricardinho acertou a trave em chute de fora da área. Aos dois, Fabrício mandou uma bomba na cobrança de falta, a bola passou no meio da barreira e entrou na meta defendida por Jefferson.

A situação ficou ainda mais difícil para o Atlético-GO aos cinco minutos. Jefferson Nem sofreu falta na entrada da área e o juiz marcou pênalti. Com a ajuda do bandeirinha, o lance foi revertido para falta fora da área e Pedro Bambu foi expulso. Na cobrança da falta, Rondinelly tirou tinta do travessão.

A resposta do time goiano veio aos oito. Bruno Santos conseguiu arrancar pela esquerda e finalizar rasteiro. Agenor foi bem no lance e fez a defesa.Já aos 17, Júlio César dominou na entrada da área e arrematou muito alto.

O Bugre voltou a carimbar a trave adversária aos 19. Após cobrança de escanteio de Rondinelly, Fabrício cabeceou e acertou o poste. Aos 22, Bruno Mendes recebeu livre e bateu no canto, parando em Jefferson. Dois minutos depois, Bruno Xavier arriscou de longe e o arqueiro adversário voltou a trabalhar.

Depois de um período mais morno, o Dragão foi ao ataque aos 39. Júlio César aproveitou o espaço e finalizou. Agenor foi bem no lance e espalmou para fora.

FICHA TÉCNICA
GUARANI 2 x 0 ATLÉTICO-GO

Local: Estádio Brinco de Ouro, em Campinas (SP)
Data: 21 de agosto de 2018, terça-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Dyorgines José Padovani de Andrade (ES)
Assistentes: Fabiano da Silva Ramires (ES) e Vanderson Antonio Zanotti (ES)
Público: 3.233 pessoas
Renda: R$ 39.215,00
Cartão amarelo: Júnior Brandão (Atlético-GO)
Cartão vermelho: Pedro Bambu (Atlético-GO)
GOLS: GUARANI: Bruno Mendes, aos 36 do primeiro tempo, e Fabrício, aos dois da segunda etapa

GUARANI: Agenor; Kevin, Philipe Maia, Fabrício e Pará (Ferreira); Ricaridinho, Fabrício Bigode, Jefferson Nem (Erik), Rondinelly e Bruno Xavier (Rafael Longuine); Bruno Mendes
Técnico: Umberto Louzer

ATLÉTICO-GO: Jefferson; Jonathan, Gilvan, Oliveira e Bruno Santos; Pedro Bambu, Rômulo e João Paulo (André Luis); Júlio César, Júnior Brandão (Alisson) e Renato Kayser (Fernandes)
Técnico: Cláudio Tencati

Continue lendo
Clique para comentar

Copyright © 2018. A Província do Pará Todos Direitos Reservados . Desenvolvido por Ideia Virtual