Conecte-se Conosco

CORONAVÍRUS

Governo assina documento por 100 milhões de vacinas

Acordo para as imunizações conta a Covid-19 deve ser fechado em agosto

Foto: Reprodução / Fonte: Pleno News

Publicado

em

Nesta sexta-feira (31), o Ministério da Saúde assinou um documento para a transferência de tecnologia e produção de 100 milhões de doses da vacina 100 milhões de vacinas contra a Covid-19 da Universidade de Oxford. O documento dará base para o acordo e foi assinado por meio da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) com a farmacêutica AstraZeneca, que desenvolve a imunização em parceria com Oxford.

A previsão é de que cheguem 15 milhões de vacinas já em dezembro e as outras 85 milhões em 2021. A expectativa é de que a parceria seja formalizada na segunda semana de agosto.

O Ministério da Saúde informou que o documento trata da transferência de tecnologia e também da produção de 100 milhões de doses da vacina. A Pasta “prevê um investimento de R$ 522,1 milhões na estrutura de Bio-Manguinhos, unidade da Fiocruz produtora de imunobiológicos. O objetivo é ampliar a capacidade nacional de produção de vacinas e tecnologia disponível para a proteção da população. Outros R$ 1,3 bilhão são despesas referentes a pagamentos previstos no contrato de Encomenda Tecnológica”.

Em nota, a diretora de Ciência e Tecnologia do Ministério da Saúde, Camile Giaretta, afirmou que o documento é um importante passo.

– Demos mais um passo importante para a formalização do acordo entre os laboratórios. Essa ação do governo federal significa um avanço para o desenvolvimento de tecnologia nacional e de proteção da população brasileira – explicou.

Por Henrique Gimenes

Copyright © 2018. A Província do Pará Todos Direitos Reservados . Desenvolvido por Ideia Virtual