Conecte-se Conosco

JUSTIÇA

Marabá chora a morte da jornalista Simone Aparecida

Publicado

em

O corpo da jornalista  Simone Aparecida, assassinada a facadas pelo seu ex-marido, na tarde desta quarta-feira(5), em Maraabá, sudeste do Pará, começa a ser velado  naquela cidade, a partir das 12h desta quinta-feira(6). A população está revoltada, triste e consternada com ocorrido.

Ela morava  à Folha 33, Quadra 29, Lote 17, em Nova Marabá. O principal suspeito do crime é seu ex-marido, Leandro Gomes Nascimento, com quem tinha dois filhos. Ele segue foragido.

Familiares, amigos e colegas de profissão não param de chegar e de expressar seus sentimentos. Muitas mensagens de carinho e apoio à família estão sendo publicadas nas redes sócias  que Simone mantinha no Facebook. A jornalista Marisa Romão publicou em letras garrafais: “MULHERES , VAMOS NOS UNIR CONTRA TODA FORMA DE AGRESSÃO E VIOLÊNCIA CONTRA NÓS MULHERES! SIMONE APARECIDA, VITIMA DO EX COMPANHEIRO! VAMOS NOS UNIR E DAR UM BASTA NESTA SITUAÇÃO!

“Muito triste mesmo. Pra quem conhecia sabe que o mundo perdeu uma grande mulher. Mas Deus recebeu mais um anjo”, diz Lúcia Barbosa, em comentário.

A polícia segue com as investigações, mas até o momento o suspeito ainda não foi localizado. O local não foi divulgado, mas os familiares e amigos se reúnem para o última adeus.

Continue lendo
Clique para comentar

Copyright © 2018. A Província do Pará Todos Direitos Reservados . Desenvolvido por Ideia Virtual