Conecte-se Conosco

Esportes

Mundial sub-17: Brasil está no grupo do Canadá, Nova Zelândia e Angola

Publicado

em

Foto: Reprodução/Fonte: Agência Brasil

A seleção brasileira masculina de futebol sub-17 vai abrir a Copa do Mundo 2019, que acontece aqui no Brasil, com uma partida contra o Canadá, no dia 26 de outubro, no estádio Bezerrão, em Brasília, na cidade-satélite do Gama.

A equipe canarinho ainda enfrentará, pelo grupo A, na primeira fase da competição, a Nova Zelândia (no dia 29 de outubro, também no Gama) e a Angola (no dia 1º de novembro, no estádio Olímpico de Goiânia).

Os grupos da Copa do Mundo foram definidos hoje em um sorteio na sede da Federação Internacional de Futebol (Fifa), em Zurique, na Suíça.

No grupo B, estão Nigéria, Hungria, Equador e Austrália. No grupo C, Coreia do Sul, Haiti, França e Chile.

No grupo D, Estados Unidos, Senegal, Japão e Holanda. No grupo E, Espanha, Argentina, Tajiquistão e Camarões. E no grupo F, Ilhas Salomão, Itália, Paraguai e México.

A Copa do Mundo sub-17 2019 será disputada em quatro estádios. Além do Bezerrão e do Olímpico, serão usadas como arenas o Serrinha, em Goiânia, e o Kléber Andrade, em Cariacica (ES). A final da Copa será no dia 17 de novembro, no Gama.

A categoria masculina sub-17 é a mais jovem a ter uma Copa do Mundo organizada pela Fifa. Podem participar apenas jogadores nascidos entre 1º de janeiro de 2002 e 31 de dezembro de 2004 (ou seja, que tenham de 15 a 17 anos).

Além do campeonato sub-17 e do mundial principal (para jogadores adultos), a Fifa ainda organiza um mundial sub-20 (para jogadores até 20 anos).

Continue lendo
Clique para comentar

Esportes

Remo pede mudança de jogo contra a Tombense para o Baenão

Publicado

em

Roma News Foto: Ney Marcondes

No próximo dia 1º de agosto, o Remo quer enfrentar a Tombense-MG no Baenão e não no Mangueirão – palco onde o confronto foi marcado, inicialmente. Os azulinos, segundo a diretoria de futebol do clube, preferem atuar no Estádio Evandro Almeida até o final da competição – com exceção dos confrontos decisivos em uma eventual classificação à próxima fase.

O problema é que a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) pode não confirmar a mudança, já que a partida teria que ser deslocada para o dia 3 de agosto, um sábado, havendo necessidade de mudança na logística dos adversários do Leão, como troca de passagens aéreas, etc.

Nesta sexta-feira, 19, o Remo enfrenta o Ypiranga, no Rio Grande do Sul, pela 13ª rodada da competição de clubes. Já no dia 27, um sábado, os azulinos encaram o Atlético Acreano, em Rio Branco.

Continue lendo

Esportes

Barça teria oferecido R$ 422 milhões e jogadores por Neymar

Publicado

em

Neymar não sabe se fica no PSG (Foto: AFP) Foto: LANCE!

A novela envolvendo o futuro de Neymar ganha novos capítulos a cada dia que passa. Desta vez, de acordo com a ‘Sky Sports’, o Barcelona fez sua primeira proposta oficial pelo craque, no valor de 100 milhões de euros (R$422 milhões) e mais dois jogadores, pelo craque brasileiro.

Os dois jogadores em questão seriam de acordo com uma lista enviada pelo Barcelona, na qual o Paris Saint-Germain escolheria dois nomes entre seis, sendo eles Philippe Coutinho, Ousmane Dembele, Ivan Rakitic, Nelson Semedo, e Malcom, sendo o sexto nome ainda não informado.

Ainda segundo a emissora, no entanto, o Paris Saint-Germain está irredutível e quer os mesmos 222 milhões de euros pagos (R$937 milhões) para contratar Neymar em 2017.

A situação de Neymar no Paris Saint-Germain parece estar bem desgastada. O jogador já teria comunicado o seu desejo de deixar o clube, e o diretor de futebol Leonardo, e o treinador da equipe, Thomas Tuchel, também já admitiram que o brasileiro quer sair.

Continue lendo

Esportes

“Não somos imbatíveis”, diz Felipão após eliminação

Publicado

em

Felipão deu méritos ao rival (Foto: Everton Pereira/Ofotografico/Lancepress!) Foto: LANCE!

Em um jogo marcado por novas polêmicas com o VAR para ambos os lados, o Internacional venceu o Palmeiras nos pênaltis, por 5 a 4, depois de de devolver o placar do jogo de ida, de 1 a 0. Após a partida no Beira-Rio, o técnico Luiz Felipe Scolari evitou comentar sobre a arbitragem e reconheceu a superioridade do adversário dentro de campo.

“O Internacional jogou melhor, teve mais qualidade. A minha equipe teve menos qualidade que. Vamos conversar e ver os erros que aconteceram, para não cometer em outros jogos. Os jogadores participaram de todos os jogos com toda a vontade que têm, às vezes, uma ou outra equipe é superior a nossa. Nós não somos imbatíveis. Ninguém morreu. Não tem nada. Perdemos uma competição. Outros perdem, outros ganham, alguém vai ganhar. Não tem que crucificar A ou B, temos que jogar futebol com a mesma qualidade que nós temos”, disse Felipão.

Os espaços no meio-campo palmeirense foi o principal motivo apontado pelo técnico para um maior volume de jogo da equipe gaúcha, que teve maior posse de bola e finalizou mais.

“Além da vontade e da qualidade do time do Internacional, nós não encurtamos no meio. O setor de meio estava dando muitas condições para que o Internacional pudesse tocar. No segundo tempo, mudou um pouco, ficou meio parelho. Só fomos equilibrar no segundo tempo, com a entrada do Moisés. Tinha que segurar o Inter bem antes, eles estavam comandando muitas ações. Não conseguimos fazer uma marcação para apertar e não ganhamos uma dividida no primeiro tempo. Esses detalhes fizeram com que o eles crescessem na partida. No segundo tempo equilibrou, foi para os pênaltis e pronto”, analisou.

O Palmeiras volta a campo, no sábado, às 19h. O time de Scolari visita o Ceará, no Castelão, em Fortaleza, pela 11ª rodada do torneio.

Continue lendo

Destaque