Conecte-se Conosco

CIDADE

Ponto crítico no bairro da Cidade Velha é eliminado pela Prefeitura

Foto: Reprodução /Fonte: Agência Belém

Publicado

em

A advogada Gisele Apolaro, de 50 anos, mostrou muita satisfação ao acompanhar a eliminação de um ponto de descarte irregular de lixo, que persistia há dez anos, na rua Doutor Assis, às proximidades do canal da Tamandaré, no bairro da Cidade Velha, onde mora. A ação, desenvolvida pela Prefeitura de Belém, visa combater os pontos críticos de descartes de lixo, que são transformados, depois, em áreas verdes.

“Assim que entrei em contato com a Prefeitura foi bem rápido para uma equipe começar a retomada deste espaço. Com isso, a população se conscientizou sobre a importância de manter o espaço limpo, com ações de educação ambiental sobre as condutas corretas que se deve ter com o lixo”, comentou a advogada.

Ação – Por meio das Secretarias Municipais de Saneamento (Sesan) e Meio Ambiente (Semma), a ação consiste na limpeza do espaço, com a retirada de todo o lixo da área. Posteriormente, espécies de vegetais foram plantadas buscando mudar o visual do espaço, entre elas, a fita-verde e mini-ixora, que são plantas próprias para suportar as altas temperaturas do sol, que são comuns em Belém.

Além disso, pneus pintados de cores alegres foram colocados para demarcar o trecho e impedir que carroceiros descartem o lixo inadequadamente. A Secretaria de Saneamento adverte que quem contratar esse tipo de serviço irregular, a multa é de R$ 610 e o procedimento é encaminhado para a Semma, que poderá enquadrar a ação como prática de crime ambiental.

De acordo com o chefe de fiscalização da Sesan, José Argentino, essa ação tem importância fundamental na limpeza e diminuição dos animais transmissores de doenças que acabam sendo atraídos pelo lixo. “Esse trabalho necessita da ajuda da comunidade, pois são os moradores que vão nos ajudar na recuperação e manutenção da área. Já tivemos outras ocasiões em que a Prefeitura não teve o apoio da população e, em consequência disso, os resultados foram negativos”, destacou Argentino.

Descarte irregular – Somente este ano, 80 pontos que antes eram locais de descarte irregular de resíduos na cidade foram recuperados pela Prefeitura, juntamente com os moradores. “No ano passado, eliminamos mais de 100 pontos críticos, e, este ano, o trabalho está sendo intensificado. Conseguimos recuperar uma área crítica que existia na Vila da Barca, no Telégrafo, além de outros pontos que foram eliminados nas avenidas Bernardo Sayão e João Paulo II. Aos poucos, estamos conseguindo conscientizar a população para que não descarte lixo e entulho em via pública”, destacou o secretário de saneamento, Claudio Mercês.

Serviço – A população pode colaborar ligando para o Disque Sesan 156. Por meio desse canal é possível solicitar serviços de remoção de entulho e também denunciar pessoas que descartam lixo e entulho de maneira irregular.

Texto: Saul Anjos
Continue lendo
Clique para comentar

CIDADE

População paraense se solidariza com a indignação Eder Mauro

Publicado

em

Foto: Reprodução / Fonte: A Província do Pará

Além de participar da ação que prendeu os acusados do crime bárbaro de Marituba, é tio de uma das vítimas, ao conversar com o jornalista @pimentamarcus , o deputado e delegado Éder Mauro desabafou sobre a proteção da justiça para com um menor infrator. E com certeza o seu sentimento de revolta é o mesmo da população paraenses.

O que vai acontecer com esse adolescente de 17 anos envolvido no estupro de várias mulheres e morte de uma mãe que deixou 3 filhos, saindo de casa para trabalhar dignamente?

Bem, em primeiro lugar, estamos proibidos de divulgar o nome dele.
O ECA não deixa.
Também não podemos divulgar a cara dele.
O ECA não deixa.
Ele não pode ser julgado.
O ECA não deixa.
Ele não pode ficar “internado” por mais de três anos.
O ECA não deixa.
Quando ele sair, o crime não vai aparecer em sua ficha.
O ECA não deixa.
E a sociedade vai ficar a mercê deste criminoso sem rosto em breve, é revoltante mesmo!

O delegado Éder Mauro ainda divulgou uma nota pública afirmando que solidariza com os parentes e amigos de todas as vítimas” e que a própria família está em luto pela morte de Samara Mescouto, 20 anos, encontrada atrás do terreno em que morava o preso. “Samara foi adotada, aos 3 anos, pela mãe de Éder Mauro, Maria Trindade Cardoso, com quem morou até os 16 anos de idade, quando foi morar com a mãe biológica, que também foi criada pela matriarca da família Cardoso Barra”, afirma a nota.

O sepultamento da jovem Samara Mescouto, de 20 anos

Realizado ontem na última segunda-feira (13) deixando os familiares e amigos da vítima inconformados. Samara foi uma das vítimas do caso “maníaco de Marituba” e acabou sendo assassinada.

A mãe de Samara, Cristina Duarte, muito emocionada disse que busca em Deus as forcas necessárias e o amparo para lidar com a dor. Ela agradeceu a todas orações e apoio que tem recebidos de amigos, familiares e também de pessoas desconhecidas, que ficaram solidarizadas com o fim triste da moça. 

A mãe declarou ” Você está na glória de Deus e um dia irei te encontra lá também”. 

Samara Mescouto não pôde ser velada em decorrência do estado avançado de decomposição em que o corpo estava quando foi encontrado no quintal da casa de um dos suspeitos do assassinato. Segundo informações ela foi estuprada e morta na manhã dessa sexta-feira (11).

Continue lendo

CIDADE

Descontos de IPVA para finais de placa 41 a 61 até 13 de janeiro

Publicado

em

Foto: Reprodução / Fonte: Agência Pará

Até dia 13 de janeiro, segunda-feira, os proprietários de veículos com final de placas 41 a 61 poderão pagar o Imposto sobre propriedade de veículos automotores – IPVA, com desconto. Os motoristas que não têm multas de trânsito dois anos pagam 15% a menos sobre o valor do IPVA; 10% para quem não recebeu multas no ano passado e 5% de desconto nas demais situações. O benefício não é cumulativo.

Há três opções de pagamento do IPVA: antecipação em parcela única, com desconto; parcelamento em até três vezes antes do vencimento, sem desconto, ou pagamento integral junto com o licenciamento do veículo junto ao Detran, sem desconto.
Após a data do licenciamento, o pagamento será feito com acréscimo de multas e juros.
Para antecipar o pagamento do IPVA em três parcelas deve-se observar a data final no calendário disponível no site Sefa, em http://www.sefa.pa.gov.br/index.php/orientacoes/ipva-orientacoes/16368-decreto-para-ipva-2020

O contribuinte pode acessar o Portal de Serviços da Sefa (www.sefa.pa.gov.br), no item IPVA Antecipação, para consultar o valor do imposto e emitir o documento de arrecadação, DAE, para pagamento em cota única ou parcelado. O pagamento é feito na rede bancária autorizada (Banpará, Banco da Amazônia, Bradesco, Banco do Brasil, Itaú e Caixa Econômica Federal), além das casas lotéricas. Quando não há antecipação do recolhimento do imposto, o IPVA será pago no boleto anual do Detran.

As alíquotas do IPVA são 2,5% para automóveis, caminhonetes e veículos aquaviários recreativos ou esportivos, inclusive jetsky e veículos aeroviários não destinados à atividade comercial; 1% para ônibus, micro-ônibus, caminhões, cavalos mecânicos, motocicletas e similares. Os veículos rodoviários com mais de 15 anos de fabricação estão isentos. Embarcações e aeronaves tem até o dia 30 de junho para recolher o IPVA.

Débitos vencidos
O parcelamento do IPVA em atraso, ou seja, referente aos anos anteriores ao exercício atual, pode ser feito diretamente no Portal de Serviços da Sefa na internet, no endereço: https://app.sefa.pa.gov.br/pservicos/

Em caso de dúvidas ligar para o call Center Sefa, 0800.725.5533, a ligação é gratuita, e atende das 8h às 20h de segunda a sexta-feira. Ou enviar email para atendimento@sefa.pa.gov.br

Continue lendo

CIDADE

Programa oferece apoio financeiro quem quiserem voltar a morar em Portugal

Publicado

em

Foto: Reprodução / MF Press Global / Fonte: Jennifer da Silva Suporte MF Press Global

Portugal teve, em 2018, a quarta taxa de natalidade mais baixa entre os Estados-membros da União Europeia (UE), registrando também uma diminuição de sua população para 10,28 milhões de pessoas, com 87 mil nascimentos e 113 mil mortes no ano passado.

Em busca de reverter este quadro preocupante, o Programa Regressar, iniciativa do Governo português, visa apoiar os que emigraram de Portugal para outros países, bem como os seus descendentes e outros familiares, para que tenham melhores condições para voltar a Portugal e para aproveitar as oportunidades que hoje existem no país. 

O que o programa oferece?

Segundo informações do Jornal Paivense, um dos principais do norte de Portugal, o Programa consiste em medidas concretas de apoio aos que optam por regressar a Portugal, como um regime fiscal mais favorável, apoio financeiro para os emigrantes ou familiares de emigrantes que decidam ir trabalhar no país e uma linha de crédito para apoiar o investimento empresarial e a criação de novos negócios. 

O programa também contempla equivalências e reconhecimento de habilitações literárias (bacharelado, licenciatura e afins).

Em conversa, Joaquim Moreira da M Contábil especialista em receber brasileiros em Portugal para negócios, contou-nos que muitos portugueses e descendentes que moram no Brasil, se entender o benefício, iria querer voltar a Portugal. 

Procedimentos e informações 

O município de Cinfães é um dos que está apoiando o retorno de portugueses e seus descendentes para o país. A Câmara Municipal de Cinfães, presidida por Armando Mourisco (PS), disponibilizou à população um balcão de informações no Gabinete de Inserção Profissional do município, localizado na Rua Conselheiro Martins de Carvalho. O horário de funcionamento é das 9h às 13h e das 14h às 17h, de segunda a quinta-feira. Para aqueles que não podem ir presencialmente, é possível consultar o guia de apoio elaborado pela autarquia com todas as informações principais (clique para ler o Guia).

Mais detalhes dos procedimentos e informações podem também ser acessados através do site oficial do Programa Regressar: https://www.programaregressar.gov.pt/wp-content/uploads/RoteiroDeRegressoAPortugal_DGACCP.pdf

Continue lendo

Facebook

Propaganda

Copyright © 2018. A Província do Pará Todos Direitos Reservados . Desenvolvido por Corpes Digital