Conecte-se Conosco

PARÁ

TRE Pará alerta eleitores para cuidados com e-mails falsos

Foto: Reprodução / Fonte: O Estado Net

Publicado

em

Véspera de eleições municipais e neste período, muita gente recebe mensagens geralmente contendo um comunicado de cancelamento do título eleitoral ou uma solicitação para que o eleitor faça a atualização de seus dados cadastrais, sob a falsa alegação de que internauta está com pendências junto à Justiça Eleitoral. Quem tem o hábito de abrir todo tipo de mensagem sem checar detalhes do remetente como endereço eletrônico oficial do órgão em questão, acaba tendo dor de cabeça no futuro, pois certamente é uma vítima em potencial para os golpistas virtuais.


Alguns eleitores em Santarém, no oeste do Pará, estão recebendo mensagens informando sobre a suspensão temporária do título de eleitor por falta do cadastramento biométrico. Os golpistas citam no corpo da mensagem inclusive artigos e parágrafos de uma suposta Lei número 8.078, de 11 de setembro de 2008, de um também fictício Supremo Tribunal Eleitoral. Mais adiante, o texto orienta para a regularização do portador em até 10 dias no Cartório Eleitoral de sua Zona Eleitoral. Mais adiante, informa que o comunicado também será enviado no endereço do eleitor cadastrado no banco de dados do ‘STE’ e sugere um dowload do arquivo que está mais abaixo.


Nem a lei mencionada na mensagem e muito menos o Supremo Tribunal Eleitoral não existem, como checou a reportagem de o OestadoNet.
Vale ressaltar que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) não envia mensagens por e-mail ou por aplicativos de smartphones informando sobre o cancelamento de títulos eleitorais. O órgão orienta ainda que para consultar a situação cadastral, o cidadão deve se dirigir ao cartório eleitoral mais próximo ou entrar no Portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na internet, onde disponibiliza um link para consultar de dados do eleitor.


No site Tribunal Regional Eleitoral do Estado do Pará (TRE/PA), há um campo destinado ao eleitor: SERVIÇOS AO ELEITOR. Há vários links com orientações sobre titulo eleitoral, quitação eleitoral, validação de documentos, situação eleitoral, local de votação e agendamento para o cadastro de biometria. Também há um espaço para perguntas frequentes sobre as eleições municipais e outros serviços.


Infelizmente, a internet está repleta de pessoas que querem se aproveitar da ingenuidade das outras para conseguir aplicar os golpes.
Nos últimos dias, muitas pessoas têm sido vítimas de crimes virtuais por meio de site de compra e venda por aplicativos falsos, além de tentativas de extorsão. Muitos desses casos já estão sendo investigados, segundo informações da 16ª Seccional Urbana de Polícia Civil.
A reportagem de OestadoNet preparou umas dicas importantes pra você. Confira!


1. Seja vigilante
Não importa o quanto você tente proteger a sua conta, sempre vai haver algum amigo que deixa escapar o seu endereço em um email para vários contatos — e isso vai se espalhar rapidamente até cair em listas de spam.

2. Ninguém é altruísta na internet
Se alguém quer muito dar dinheiro para você, você deve desconfiar. As chances de esse contato estar tentando aplicar um golpe são realmente grandes. Geralmente os golpistas se utilizam da chamada “engenharia social” para convencer as vítimas de que elas vão obter algumas vantagens com a conversa.

3. Não se esqueça das coisas
Se você vai clicar em algum link recebido por email, pense bem se você pediu por aquela mensagem. Nenhuma instituição bancária vai enviar um extrato completo da sua conta por um link.

5. Verifique remetentes
Assim como a dica inicial, a final também engloba todo o resto do artigo. É extremamente importante verificar quem são os remetentes das mensagens recebidas nas suas caixas de entrada. Se você não conhece a pessoa: não abra, não acesse links e não aceite anexos. Se você conhece a pessoa: certifique-se de que a mensagem enviada é algo que seria realmente enviado por ela.

Evite ao máximo abrir e-mails com anexos de estranhos, sempre desconfie do conteúdo; Se por acaso você abrir um anexo suspeito por acidente, feche o programa (de preferência no Gerenciador de Tarefas); Independentemente do seu sistema operacional, manter tudo atualizado pode ser fundamental para bloquear um vírus dentro de um anexo de e-mail; Ao enviar um anexo de e-mail com segurança, certifique-se de que o tamanho do arquivo não é muito grande.

Copyright © 2018. A Província do Pará Todos Direitos Reservados . Desenvolvido por Corpes Digital