Conecte-se Conosco

Sem categoria

Vereadores de Canaã dos Carajás reagem à postura da Vale

Publicado

em

Os vereadores de Canaã dos Carajás, sudeste do Pará,   foram “pra cima” da mineradora Vale, na sessão ordinária desta terça-feira (22).  Revoltados, os edis  criticaram o caos social instaurado no município. Responsáveis pelas  maiores críticas, Walter Diniz (PMDB) e Wilson Leite (PDT) destacaram o fato de a Vale ser dona de boas parte das terras do município e retribuir com muito pouco pela riqueza incalculável que extrai do subsolo.

De acordo com os parlamentares, o mercado imobiliário da cidade foi ao chão quando a mineradora fez casas para os seus profissionais  privilegiando uma empresa que nem pertence ao município. As críticas também foram direcionadas aos problemas ambientais causados pela voracidade da atividade minerária em Canaã.

“A Vale faz e desfaz do jeito dela na cidade; ela é a maior responsável pelo caos instaurado no nosso município” afirmou Walter Diniz. O legislador criticou também a desapropriação que a empresa fará no Parque Nacional dos Campos Ferruginosos. “Vamos questionar essa decisão da empresa. Não sou contrário ao progresso, mas que seja pago um valor devido a quem está lá dentro. Quem está lá não pode ser expulso.”

“A Vale possui 70% do território do nosso município. Não sou contra a presença da mineradora aqui. Pelo contrário, sou extremamente favorável, mas acho que ela precisa ter um trabalho voltado ao cidadão. Tem gente ficando milionário com a empresa, mas a maioria está na miséria. Temos uma cidade em que o Rio Parauapebas é raso e o buraco da mineração no Sossego já está bastante fundo. A conta é simples! A água vai correr para o buraco que é mais profundo. Precisamos ter cuidado com essa questão ambiental” explicou Wilson Leite.

Culpada ou não, a Vale segue atuando em Canaã e bate recordes de lucro todos os anos. A população local, por sua vez, ainda padece esperando o desenvolvimento econômico que vem a passos de tartaruga.

A reação dos vereadores é tardia, ma bem-vinda. Mas, parece que está a dividir os internautas. Para uns, a Vale é a maior responsável pelo caos que se instaurou no  município’ . Para outros a culpa na verdade é do Legislativo e do Executivo  que nunca lutaram em defesa do patrimônio natural do município, legislando apenas  em causa própria. Outro entendem que a causa go  caos no setor imobiliário é dos proprietários de loteamento por praticarem uma especulação imobiliária selvagem, ao colocar à venda seus lotes por preços absurdos,  em uma cidade onde não há infraestrutura nenhuma.

 

Continue lendo
Clique para comentar

Copyright © 2018. A Província do Pará Todos Direitos Reservados . Desenvolvido por Ideia Virtual