Conecte-se Conosco

ESPORTES

Vitinho sofre sequestro-relâmpago e polícia prende suspeitos

Vitinho passou cerca de duas horas em cativeiro na favela da Água Branca (Foto: Sérgio Barzaghi/Gazeta Press)

Publicado

em

O meio-campista Vitinho, do Palmeiras, sofreu um sequestro-relâmpago junto à sua namorada na noite da última quarta-feira, em região próxima ao CT da Barra Funda, na zona oeste de São Paulo (SP). O acontecimento foi noticiado pela TV Globo, que inclusive já reportou a prisão de dois suspeitos por parte da Polícia Militar na noite desta quinta-feira.

O jogador de 20 anos de idade e sua namorada estavam em seu carro, uma Land Rover vermelha, quando foram abordados por assaltantes. O casal foi levado para um cativeiro na favela da Água Branca, onde permaneceram por duas horas enquanto os sequestradores sacavam dinheiro com os cartões do atleta, até serem liberados. O carro, porém, ficou sob a posse dos criminosos.

Um dia depois, a Land Rover foi avistada por uma viatura da PM na ponte da Freguesia do Ó e iniciaram uma perseguição, até prender os dois suspeitos, ambos de 18 anos de idade, na Favela da Paz, próxima à Marginal Tietê.

Em contato com a Gazeta Esportiva, a assessoria de imprensa do Palmeiras revelou que o meio-campista treinou normalmente nesta quinta-feira e receberá todo o respaldo jurídico e psicológico por parte do clube. Desta forma, o jovem fica à disposição de Felipão e pode ser relacionado para o clássico deste sábado, contra o São Paulo, no Morumbi, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Por ter passado pela equipe B do Barcelona, Vitinho teve seu caso repercutido também por jornais espanhóis, como o catalão Sport.

Continue lendo
Clique para comentar

Copyright © 2018. A Província do Pará Todos Direitos Reservados . Desenvolvido por Ideia Virtual