Conecte-se Conosco

Tecnologia

YouTube e Netflix testam AV1, novo codec que deixa streaming 40% mais rápido

Publicado

em

Foto: Pexels
Spread the love

A AOM (Alliance for Open Media), a organização que reúne gigantes como Google, Microsoft, Amazon, Facebook e Netflix, finalizou em março a primeira versão do AV1, um codec que promete melhorar o streaming de vídeo pela internet. E o YouTube e a Netflix já começaram a experimentar a novidade.

Segundo o 9to5Google, o codec está em testes na versão beta do Chrome 70 e no Firefox Nightly para PC. O YouTube até criou uma playlist com 14 vídeos que foram produzidos usando o protocolo de compressão de vídeo AV1. De acordo com o AnandTech, há pelo menos um vídeo com o codec também na Netflix.

Em termos mais leigos, o AV1 é uma tecnologia que permite que os vídeos fiquem mais leves sem causar tanta perda de qualidade. Isso significa que você pode assistir a vídeos em uma resolução mais alta sem precisar aumentar a velocidade da sua conexão e sem consumir tantos dados no celular.

Segundo a AOM, o AV1 é capaz de igualar a qualidade de imagem das tecnologias que dominam o mercado atualmente (HEVC e VP9) utilizando entre 30% e 40% a menos de espaço, o que é altamente vantajoso para serviços de streaming. Mas para conferir a novidade no seu PC, o caminho é complexo.

Primeiro, você precisa ter o Chrome Beta ou o Firefox Nightly instalado no PC e rodando as atualizações mais recentes. No Chrome, é preciso acessar a URL chrome://flags e deixar ativadas as bandeiras “media.av1” e “media.mediasource.experimental“. Depois, é só acessar a página do TestTube, o laboratório de novos recursos do YouTube, e selecionar o AV1.

Os vídeos com essa tecnologia podem ser conferidos nesta playlist. Só não espere notar muita diferença. O codec só é usado em vídeos de resolução 480p ou inferior. Já a Netflix oferece apenas um vídeo usando o AV1 que pode ser rodado em 432p até 1080p. Usuários em conexões de alta velocidade dificilmente notarão a diferença, porém.

Estas restrições, por enquanto, têm a ver com limitações de hardware. Hoje, não existem ainda drivers de vídeo com suporte ao AV1, de modo que toda a compressão no YouTube e na Netflix é feita por software e pela CPU dos computadores. Num futuro não muito distante, a tecnologia certamente será usada para vídeos em 4K, HDR e milhões de cores diferentes.

Fonte: Olhar Digital

Tecnologia

Uber testa serviço de ‘funcionários sob demanda’ por aplicativo

Publicado

em

Foto: Divulgação
Spread the love

Pelo aplicativo da Uber, já é possível pedir carros particulares, comida por delivery e até bicicletas, barcos e helicópteros em algumas regiões do mundo. Em breve, a empresa pode começar a oferecer também funcionários temporários através do app.

É o que diz uma reportagem publicada nesta quinta-feira, 18, pelo jornal norte-americano Financial Times (via The Verge). O serviço, batizado internamente de Uber Works, estaria ainda em fases iniciais de desenvolvimento, com testes sendo realizados em Chicago e Los Angeles, nos Estados Unidos.

A ideia é que pequenos e médios empresários possam usar o Uber Works para contratar profissionais por curtas jornadas, como garçons ou seguranças para um evento, por exemplo. Esse tipo de serviço já é oferecido por agências de trabalho terceirizado no Brasil e no mundo.

O diferencial do serviço da Uber seria o modelo de negócios. Assim como motoristas podem se cadastrar para ganhar dinheiro com o Uber e motociclistas podem ser pagos para entregar comida com o Uber Eats, profissionais autônomos poderão receber por diárias no Uber Works.

Oficialmente, a Uber não quis confirmar ou negar a informação do Financial Times. O serviço de funcionários sob demanda faria parte do crescente investimento da empresa em modalidades alternativas aos carros particulares, como o serviço de bicicletas e patinetes elétricos oferecido nos EUA.

Ainda em fase de testes, o suposto Uber Works não tem previsão para ser oficialmente anunciado e, segundo o jornal, pode até mesmo ser abandonado caso a experiência não dê o resultado que a empresa espera.

Fonte: Olhar Digital

Continue lendo

Tecnologia

Google Play vai oferecer demos gratuitas de jogos pagos por Instant Apps

Publicado

em

Foto: Google
Spread the love

“Instant Apps” é o nome de um recurso do Google Play que permite ao usuário experimentar um aplicativo ou jogo do Android sem ter que baixar o software completo. Em breve, a plataforma vai disponibilizar também demos gratuitas de jogos pagos.

O Google anunciou a novidade nesta quinta-feira, 18. Além de permitir experimentar jogos pagos em versões de demonstração grátis, o Google Play também vai permitir que usuários experimentem games que ainda não foram lançados neste mesmo esquema.

Os primeiros jogos com a novidade serão “Looney Tunes: Mundo Insano”, ainda não lançado, e “Umiro”, que custa R$ 9,49 no Android. Os Instant Apps são versões reduzidas de aplicativos que ocupam, no máximo, 10 MB, e trazem apenas funções básicas.

Outra novidade é que desenvolvedores poderão permitir que usuários continuem rodando um aplicativo ou jogo enquanto uma atualização é instalada em segundo plano. E, em breve, será possível também “congelar” assinaturas feitas pelo Google Play.

Os recursos ainda vão depender dos desenvolvedores, que devem habilitá-los por conta própria ao administrar um jogo ou app no Google Play. Mas as ferramentas já estão disponíveis a partir desta semana.

Fonte: Olhar Digital

Continue lendo

Tecnologia

Usain Bolt, o homem mais rápido do mundo, vai ser adicionado ao FIFA 19

Publicado

em

Foto: Reprodução/Getty
Spread the love

O homem mais rápido do mundo vai ser adicionado ao FIFA 19. E, obviamente, será o atleta mais veloz do jogo de futebol da EA Sports. O tricampeão olímpico Usain Bolt, que está em um período de testes no time de futebol Central Coast Mariners, da Austrália, vai ser incluído na próxima atualização do game.

De acordo com o jornal inglês Mirror, Usain Bolt vai ser incluído na atualização de início de ano do game, independentemente de assinar ou não um contrato definitivo com o Central Coast Mariners.

O tricampeão olímpico foi contratado em agosto pelo time australiano e, desde então, está sendo testado para saber se fica em definitivo no time profissional ou não. Em uma partida no dia 12 de outubro, ele marcou dois gols na goleada do clube contra o Macarthur South West United.

Fonte: Olhar Digital

Continue lendo

Facebook

Propaganda

Destaques