Conecte-se Conosco

MUNDO

O QUE PODE MUDAR NOS ESTADOS UNIDOS NO GOVERNO JOE BIDEN

A Província do Pará / Por: Ana Luísa Damasceno / Foto Reprodução

Publicado

em

Na primeira semana de novembro, após um período de quatro dias de apuração, Joe Biden foi eleito o novo presidente dos Estados Unidos. Durante sua campanha ele afirmou estar empenhado em reverter determinadas políticas de governo de Donald Trump. 

O democrata já declarou dar prioridade ao combate a pandemia do corona vírus, questão que muitos americanos consideraram mal administrada por Trump. Os Estados Unidos  já tiveram mais de 200 mil mortes por COVID-19 e o  novo presidente promete criar ao menos 10 centros de testagem em cada um dos 50 estados americanos, objetivando acelerar o resultados dos exames. Ele também anunciou que contrataria 100 mil pessoas para colocar em prática um programa de rastreamento, em que se isola apenas as pessoas doentes para cortar a cadeia de transmissão antes que o surto se torne grande a ponto de existir uma nova quarentena. Além disso, Biden se mostrou preocupado com o tombo econômico que os país levou com os impactos da pandemia e com os embates políticos e raciais da população americana. 

O presidente prometeu que em seus primeiros dias de governo que irá recolocar os Estados Unidos na Organização Mundial da Saúde (OMS), organização que Trump saiu alegando ser conivente com o que classificou como falta de transparência da China sobre o novo Coronavírus. Já em relação ao Obamacare, programa governamental de saúde, Joe Biden prometeu aumentar os subsídios para grupos pobres. 

Enquanto Donald Trump retirou os Estados Unidos do acordo de Paris, que tenta limitar as emissões de CO2, Biden afirma que as mudanças climáticas são uma ameaça para a humanidade. O democrata se comprometeu a retornar ao acordo e já afirmou que deixará de dar subsídios a indústria petrolífera americana, e prometeu investir 1,7 trilhão de dólares no desenvolvimento de uma indústria verde. Em relação a Amazônia, Biden promete criar e liderar um fundo global que desse ao Brasil US$20 milhões para preservação, além de afirmar que poderia haver consequências econômicas ao pais caso não houvesse melhoras nas taxas de queimadas e desmatamentos. Os democratas passam a cobrar aos aliados, incluindo o Brasil, a se comprometer com as metas de preservação ambiental mais ambiciosas se quiserem fechas acordos comercias e tecnológicos se quiserem fechar acordos com os americanos.

Joe Biden afirmou que irá se afastar da política “tolerância zero” de Trump em relação a  imigrantes ilegais , em que adultos que cruzassem as fronteiras americanas sem visto de permanência deveriam ser processadas criminalmente, e não somente aqueles com antecedentes criminais ou reincidentes, foi o que levou a separação das famílias imigrantes em 2018. O democrata prometeu reformar o sistema de migração do país e negociar com o congresso uma forma de garantir cidadania americana para 11 milhões de imigrantes ilegais. 

Copyright © 2018. A Província do Pará Todos Direitos Reservados . Desenvolvido por Ideia Virtual

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/aprovincia/public_html/wp-includes/functions.php on line 4556