quarta-feira, maio 29, 2024
Desde 1876

Com 5 votos a 2, Moro é absolvido e comemora nas redes sociais

O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) absolveu o senador Sergio Moro (União Brasil-PR) das acusações feitas pelo PT e PL de que ele teria cometido abuso de poder econômico nas eleições de 2022. Com cinco votos contra sua cassação e dois favoráveis, o parlamentar seguirá no cargo para o qual foi eleito com quase 2 milhões de votos.

Pelas redes sociais, Moro comemorou a decisão e disse:

– Há juízes em Curitiba. Em julgamento impecável, o TRE-PR, um farol para a independência da magistratura, honrou os votos de quase dois milhões de paranaenses e reconheceu a absoluta correção de minha campanha eleitoral. Seguimos, eu e meus eleitores, fortes no Senado Federal.

Mais cedo, durante discurso na tribuna do Senado Federal, Moro declarou que o TRE-PR representa “um farol para a independência da magistratura frente ao poder político”.

– O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná, em julgamento técnico e impecável, rejeitou as ações que buscavam a cassação do mandato de senador que me foi concedido pela população paranaense. Na data de hoje, o tribunal representa um farol para a independência da magistratura frente ao poder político.

Os cinco votos a favor de Moro foram proferidos pelos desembargadores Luciano Carrasco Falavinha (relator), Guilhermo Frederico, Cláudia Cristina Cristofani, Anderson Ricardo Fogaça e Sigurd Roberto Bengtsson.

Dois juízes votaram a favor da cassação, sendo eles José Rodrigo Sade e Julio Jacob Junior, ambos indicados pelo presidente Lula para o TRE-PR. Os outros cinco desembargadores não foram indicados pelo Executivo.

Fonte: Pleno News/ Foto: Jonas Pereira/Agência Senado

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,800SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Prefeitura
Banpara

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo