sábado, maio 25, 2024
Desde 1876

Governador do Pará discute investimentos em bioeconomia com empresários em Boston

O governador do estado, Helder Barbalho, em seu primeiro dia de participação na Brazil Conference, na Universidade de Harvard, em Boston, nos Estados Unidos, se reuniu com os empresários Jorge Paulo Lemann, proprietário da Americas’ Beverage Company (Ambev), e com o Marcelo Claure, um dos executivos da varejista eletrônica global Shein.

O objetivo é atrair investimentos estratégicos para o Estado, visando a COP 30, com foco principalmente em bioeconomia, com o Parque de Bioeconomia e Inovação da Amazônia entre as prioridades. As reuniões foram acompanhadas pelo secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Pará, Mauro O’de Almeida, pela Diretora Geral do programa Municípios Verdes, Camilla Miranda, e pelo secretário adjunto de Recursos Hídricos e Clima da Semas, Raul Protázio Romão.

“Hoje participei de reuniões importantíssimas com Jorge Paulo Lemann, um dos mais importantes investidores do mundo, que apoia a pesquisa, inovação e a formação de líderes, e pude fazer um chamamento para que ele nos ajude na formação de mão de obra mais qualificada no nosso Estado, para assim podermos qualificar a nossa juventude, dando oportunidade de educação de qualidade por meio do intercâmbio com as principais universidades do mundo como Harvard, MIT e Columbia. Queremos colaborar com a nossa juventude, além de também mobilizar grandes empresários globais para estar lado a lado com a gente na COP, mas acima de tudo, nas soluções baseadas na natureza”, disse o governador.

Na reunião com o executivo da Shein, o governador discutiu oportunidades para impulsionar a bioeconomia no Estado, único do Brasil que conta com um Plano de Bioeconomia.

“Discutimos a ideia de viabilizar parcerias na área de bioeconomia, incentivando bioprodutos que possam ser comercializados na plataforma, valorizando o que vem da natureza”, informou o governador Helder Barbalho.

POLÍTICAS ESTRATÉGICAS

O governador também destacou o portfólio de estratégias e políticas do Estado como um dos diferenciais do Pará.

“Apresentamos aos investidores as nossas principais iniciativas. Além do Plano de Bioeconomia, onde está o nosso Parque de Bioeconomia e Inovação, também destacamos o Plano de Restauro, o sistema jurisdicional de REDD+, a Força Estadual de Combate ao Desmatamento e tudo o que temos implementado dentro do Plano Estadual Amazônia Agora e da nossa Política Estadual de Mudanças Climáticas”, destacou.

Helder Barbalho frisou que o Pará criou uma estrutura jurídica e ambiental que favorece os investimentos ao priorizar benefícios para a população.

“O Pará criou um sólido e robusto conjunto de iniciativas de cunho ambiental, mas sobretudo, com foco em pessoas e no seu bem-estar. Portanto, diante dos investidores que se apresentam, temos condições de mostrar um portfólio estratégico e capaz de atrair o interesse desses investimentos que vão sem dúvida gerar benefícios para a Amazônia e para a população”, afirmou o governador.

CULTURA E COP 30

Em seu primeiro dia de agendas em Boston, o governador também reuniu com o economista Jânio Quadros Neto e com empresário Pablo Gangule, fundador do festival Liberatum, que já foi realizado em mais de 10 países e cinco continentes, com participação de personalidades como os americanos Will Smith e Cher, entre outros.

Entre os assuntos discutidos foi a possibilidade de levar o festival a Belém por ocasião da COP 30.

Imagem: Thalmus Gama / Agência Pará de Notícias

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,800SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Prefeitura
Banpara

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo