sexta-feira, junho 14, 2024
Desde 1876

Arte em Cores abre novo edital de arte urbana no Pará e no Maranhão

Colorindo e transformando o espaço urbano do Pará e do Maranhão, o projeto Arte em Cores chega à 4ª edição. Com patrocínio do Instituto Cultural Vale, por meio da Lei de Incentivo à Cultura – Lei Rouanet, a iniciativa irá selecionar 50 artistas visuais para a produção de pinturas artísticas em espaços públicos de 19 cidades. Interessados que sejam moradores das regiões beneficiadas e tenham idade acima de 16 anos podem se inscrever até as 18 horas do dia 13 de abril, pelo formulário disponível no link linktr.ee/arteemcoresmove e na bio do perfil instagram.com/arteemcoresmove.

O Arte em Cores visa estimular a cultura paraense e maranhense com ações de capacitação, produção e promoção da arte urbana. Pelas ruas das cidades contempladas, serão feitas, ao todo, 52 obras, a partir da utilização de técnicas mistas de pintura, com ênfase no graffiti. Dessas obras, cinquenta serão individuais, valorizando o talento único de cada participante, e duas serão coletivas, incentivando a criação em equipe. Antes da etapa “mão na massa”, os artistas visuais selecionados terão acesso a um conjunto de videoaulas sobre técnicas e linguagens artísticas e a monitoria remota.

No Pará, poderão participar residentes de nove municípios: Água Azul do Norte, Bom Jesus do Tocantins, Canaã dos Carajás, Curionópolis, Eldorado do Carajás, Marabá, Ourilândia do Norte, Parauapebas e Tucumã. Já no Maranhão, os artistas deverão ser residentes de Açailândia, Alto Alegre do Pindaré, Arari, Bom Jesus das Selvas, Bacabeira, Buriticupu, Igarapé do Meio, Pindaré-Mirim, Santa Inês e São Pedro da Água Branca.

Para a produção dos murais, serão destinadas premiações e ajudas de custo aos artistas selecionados. Ao final do projeto, fotografias das obras produzidas serão expostas na Galeria Virtual do Arte em Cores, ampliando a visibilidade dos trabalhos e de seus respectivos autores para diversos públicos. “Além dos espaços urbanos ganharem novas perspectivas, os artistas passam a ser mais conhecidos e valorizados em suas cidades e regiões. Isso gera emprego e renda. As obras produzidas em espaços públicos e também exibidas na Galeria Virtual fortalecem contatos e geram convites para que os artistas produzam novos trabalhos. O resultado final do Arte em Cores acaba sendo muito maior do que somente a produção artística. O projeto tem reflexos em vários outros aspectos ao longo do tempo”, afirma André Amparo, coordenador do Arte em Cores.

TRAJETÓRIA DE VALORIZAÇÃO

Desde 2020, o Arte em Cores dedica-se a conectar pessoas e visibilizar o talento e a criatividade de artistas visuais do Maranhão e do Pará, bem como promover ações de capacitação e estimular a economia criativa. Ao longo de três edições, 175 artistas foram beneficiados e, além dos trabalhos individuais realizados em diversas cidades de ambos os estados, 7 grandes murais coletivos já foram produzidos em Açailândia (MA), Alto Alegre do Pindaré (MA), Buriticupu (MA), Belém (PA), Marabá (PA) e Parauapebas (PA). A Galeria Virtual do Arte em Cores reúne fotografias de todas as obras já realizadas, em uma exposição online que amplia o acesso à produção artística.

Em 2024, o projeto chega à sua quarta edição, dando continuidade ao histórico de sucesso na valorização da arte urbana. O Arte em Cores é viabilizado pela Lei de Incentivo à Cultura – Lei Rouanet, com patrocínio do Instituto Cultural Vale, apoio do Centro Cultural Tatajuba e realizado pelo Ateliê 22 e Ministério da Cultura – Governo Federal.

Imagens: Divulgação

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,800SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Prefeitura
Banpara

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo