quarta-feira, abril 24, 2024
Desde 1876

Governo do Pará cria área exclusiva em terminais hidroviários para receber cruzeiros

O governo do Estado vai entregar, em breve, nove novos terminais hidroviários para a população. Os equipamentos públicos vão ter uma área exclusiva capaz de receber cruzeiros nacionais e internacionais, além de espaços turísticos para o lazer, com lojas e paisagismo. Todos os projetos cumprem o padrão da Antaq (Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído). 

O recurso vai colocar o Estado na rota de grandes viagens. O presidente da Companhia de Portos e Hidrovias do Pará (CPH), Márcio Tavares, órgão responsável pela gestão e execução destas obras, destaca a importância do investimento, que oferece mais mobilidade e conforto aos viajantes.

“As obras dos terminais hidroviários estão avançadas. Estamos preparados para receber os cruzeiros nacionais e internacionais, durante o período de temporada destas viagens e com grandes expectativas. Os turistas vão ter qualidade e conforto no embarque e desembarque, segurança e exclusividade nas atracações, e um espaço destinado ao lazer, para poder desfrutar de uma experiência agradável em nossa região”, explica.

Márcio ressalta que os terminais que já foram entregues serão reconstruídos para receber estes espaços destinados aos navios de luxo. Estão em fase de construção e serão entregues em breve os terminais de Icoaraci, Acará, Aveiro, Breves, Mocajuba, Oeiras do Pará, Salvaterra, Senador José Porfírio e Chaves.

Turismo – Os Terminais hidroviários contribuem para o desenvolvimento regional, pois facilitam o turismo no Pará, que já está incluído na rota de grandes cruzeiros. Além disso, em novembro de 2025, Belém será a sede da COP30 e a previsão é que a procura pela região amazônica aumente expressivamente.

“Geograficamente, podemos dizer que Belém é uma cidade estratégica, localizada na foz do rio Amazonas, a capital paraense é facilmente integrada nas rotas dos cruzeiros marítimos internacionais. Inclusive a temporada 2023-2024 é considerada a melhor temporada com números que superam o período pré-pandemia”, garante o secretário adjunto de Turismo do Pará, Lucas Vieira.

O gestor da secretaria de turismo reforçou ainda que a Secretaria de Estado de Turismo (Setur) trabalha não somente com a captação para que esses cruzeiros marítimos retornem às suas atividades aqui no estado e na Amazônia em maior número, mas também atraindo novas empresas. “Atuamos junto a diversos órgãos estaduais e municipais para que esse receptivo possa ocorrer da melhor maneira possível. O bom acolhimento é o primeiro passo para que o turista leve boas lembranças e volte em outra ocasião, inclusive trazendo mais pessoas”, disse.

Estrutura – A população vai desfrutar de ambiente refrigerado, lanchonetes, lojas, banheiros, monitoramento por câmeras e agentes de segurança, paisagismo, além de rampas de acessibilidade para Pessoas Com Deficiência, além de áreas exclusivas para receber cruzeiros. 

O equipamento público também recebe a vistoria da Arcon (Agência de Regulação e Controle de Serviços do Estado) e cumpre o padrão da Antaq (Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído). 

Fonte: Agência Pará/Foto: Marcos Santos/Ag Pará

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,600SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Governo do Estado
banpara

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo