quarta-feira, maio 29, 2024
Desde 1876

Três guarda-costas de Raul Castro morrem em acidente de helicóptero na ilha de Cuba

Um acidente de helicóptero militar em Santiago de Cuba deixou um saldo de mortes, incluindo três guarda-costas do ditador Raúl Castro. O helicóptero militar do tipo Mi-17 despenhou-se na manhã de ontem, quinta-feira, 11, perto do aeroporto da cidade, numa área dedicada a voos VIP.

Como informa o Aviacionline, a tragédia, que não deixou sobreviventes, ocorreu a baixa altitude durante uma manobra de aproximação ou decolagem.

Segundo informações preliminares divulgadas nas redes sociais e confirmadas por diversos órgãos de imprensa, a aeronave era ocupada por um mínimo de cinco pessoas: dois pilotos, um mecânico de voo e dois membros das Boinas Vermelhas, a força de elite de Cuba, que integram a segurança pessoal de Castro. Dairon Gonzalez Espinosa, pertencente à terceira turma de novos pilotos, foi identificado como um dos pilotos.

Não existe ainda um comunicado oficial sobre o incidente por parte do governo cubano, e as causas do acidente continuam sob investigação. Acredita-se que especialistas forenses já estejam no local do acidente realizando as investigações necessárias para esclarecer o incidente e identificar formalmente as vítimas. A comunidade cubana, tanto dentro como fora do país, aguarda por respostas. O helicóptero, que pertencia ao segundo esquadrão de Camagüey e foi presumivelmente fabricado em 1983, estava a realizar uma missão de cobertura no momento do acidente.

Imagem: Reprodução

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,800SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Prefeitura
Banpara

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo