quarta-feira, maio 29, 2024
Desde 1876

Corpo de médico é encontrado amarrado na própria casa em SP

A Polícia Civil de São Paulo prendeu uma mulher, de 30 anos, suspeita de participação na morte de um médico, de 48 anos, encontrado amarrado e morto na própria residência em São Bernardo do Campo. A mulher, presa na noite deste domingo (21), é a segunda pessoa apreendida por envolvimento no caso. A Polícia Civil ainda busca mais um homem, que permanece foragido.

O crime ocorreu na última sexta-feira (19). A Polícia Militar foi acionada por vizinhos na Rua Agostinho César Bassoli e localizou o homem, identificado como Aurélio Tadeu de Abreu, sem vida no chão da sala. Durante o atendimento da ocorrência, agentes identificaram que um veículo também havia sido levado do local.

Na ocasião, uma pessoa foi localizada e confessou ter praticado um latrocínio (roubo seguido de assassinato) contra o médico. O suspeito indicou o local onde estava o carro da vítima e foi preso. Dois veículos, o roubado e o utilizado durante o crime, foram apreendidos e passaram por perícia.

O caso foi registrado como latrocínio, localização/apreensão de veículo e associação criminosa na Delegacia Especializada em Investigações Criminais (Deic) de São Bernardo do Campo.

*AE

Fonte: Pleno News/Foto: Reprodução/Câmeras de Segurança // Reprodução/Câmeras de Segurança

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,800SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Prefeitura
Banpara

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo