sábado, julho 20, 2024
Desde 1876

Grandes shows e festivais movimentam setor de turismo no Brasil

Sim, ela vem! Madonna estará no Brasil. Após muita especulação a cantora confirmou sua vinda ao país para realizar um show na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro (RJ). Esse é apenas um dos grandes eventos que prometem movimentar o setor de turismo do Brasil neste primeiro semestre do ano.

Antes mesmo do anúncio oficial, a procura por hospedagens na cidade já havia crescido 30%, segundo um levantamento realizado pelo HotéisRIO. É o caso do bancário Bruno Cardoso, que mora em Brasília, e preferiu garantir sua ida ao Rio de Janeiro. “Eu sou muito fã da Madonna, então assim que o show foi anunciado, ainda quando era um boato, eu não pensei duas vezes e comprei as passagens aéreas e fiz a reserva de hotel ali próximo da região”, contou.

Segundo o site Booking.com, o Rio de Janeiro já é o destino doméstico mais buscado por brasileiros na plataforma entre 3 e 5 de maio, e a quinta cidade mais buscada por viajantes globais nas Américas, atrás apenas de Nova York, Las Vegas, Orlando e Cancún. Tudo isso aponta um reflexo na movimentação turística na cidade.

LOLLAPALOOZA – Mas não é apenas o show da “Rainha do Pop” que deve aquecer a movimentação turística pelo país. O festival Lollapalooza que abre as portas oficialmente a partir desta sexta-feira (22.03) e segue até domingo (24.03), em São Paulo, deve atrair um público de aproximadamente 241 mil pessoas, segundo as expectativas da organização do evento.
De acordo com uma pesquisa feita há dois meses pela Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Estado de São Paulo (ABIH-SP), a estimativa de taxa de ocupação dos hotéis da cidade já era de 65% para este fim de semana.

Segundo dados do Observatório de Turismo e Eventos da Cidade de São Paulo (OTE), o Lollapalooza movimentou cerca de R$931,3 milhões, de forma direta e indireta, em 2023. A pesquisa mostrou ainda que cada turista gastou em média R$3.499,02 na cidade durante o festival.

“Isso mostra o impacto positivo do setor de eventos dentro da cadeia produtiva do turismo, que beneficia desde o grande empresário, setor aéreo, comércio local, até o vendedor ambulante. Atrair cada vez mais esses grandes shows e festivais para o Brasil significa movimentar nossa economia e gerar renda e produtividade em escala no país”, destacou o ministro do Turismo, Celso Sabino.

Imagens: Divulgação

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,900SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Prefeitura

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo