segunda-feira, abril 22, 2024
Desde 1876

Iniciativas do Governo do Estado aumentam a geração de empregos formais no Pará

No Pará, iniciativas ofertadas pelo Governo do Estado, impulsionam a geração de empregos formais por todo território paraense, sobretudo, no setor de serviços. Só em 2023, segundo o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese Pará), aproximadamente 18 mil postos de trabalhos formais foram gerados no Estado. 

Como exemplo destas iniciativas que fortalecem o ingresso ao mercado de trabalho paraense estão os cursos nas Usinas da Paz, Projeto Geração Empreende+, Rede Sine e programa “Primeiro Ofício” das Secretarias de Estratégica de Articulação da Cidadania (Seac) e de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster).

“A formação profissional, ministrada nas Usinas da Paz, em áreas como tecnologia, gastronomia, corte e costura, entre outros, não só prepara os participantes para ingressarem no mercado de trabalho, mas também os capacita com habilidades práticas e conhecimentos essenciais para se destacarem em suas áreas de atuação. As iniciativas desempenham um papel crucial na construção de uma sociedade mais inclusiva, ao oferecerem oportunidades de desenvolvimento pessoal e econômico para as comunidades”, ressalta Igor Normando, titular da Seac. 

Voluntário civil da Polícia Militar do Pará, Pedro Faro, é um dos jovens que optou por se qualificar, a partir da oferta de cursos nas Usinas da Paz. “As qualificações disponibilizadas no complexo comunitário ajudaram na minha formação profissional. Aprendi a como preparar um currículo, como agir durante uma entrevista e no ambiente de trabalho. Me ajudaram a desenvolver uma melhor oratória e a minha timidez”, conta. 

EMPREENDEDORISMO – Em fevereiro de 2024, o Governo do Pará certificou os 500 primeiros alunos do Projeto Geração Empreende+, desenvolvido pela Seac, dentro das UsiPaz. A iniciativa visa qualificar os participantes com habilidades e conhecimentos essenciais para o sucesso na gestão de seus empreendimentos, desde a concepção de produtos, a gestão eficaz das redes sociais até o acesso ao incentivo financeiro, por meio do Programa CredCidadão. Os 500 alunos receberam o microcrédito, no valor de R$ 2.000, com taxas acessíveis, para proporcionar o suporte financeiro para iniciar seus empreendimentos.

REDE SINE – Os trabalhadores podem ter acesso às vagas disponíveis, participar de entrevistas de emprego e também de iniciarem o processo de seguro-desemprego por meio da Rede Sine, que integra os Postos do Sistema Nacional de Emprego (SINE) e o aplicativo “Sine Fácil”. A iniciativa da Seaster garante acesso fácil e gratuito a serviços e oportunidades de inserção no mercado de trabalho. 

“O ano de 2023 foi bastante positivo para a rede no Pará. Foram oportunizadas um total de 31.231 vagas de emprego pelo Sistema, das quais foram contratados e permaneceram no emprego 8.818 trabalhadores, ou seja, um crescimento de 23% em relação ao mesmo período do ano anterior. Já para o ano de 2024, o Estado do Pará segue com projeções otimistas de investimentos, grandes obras, assim como os demais impactos positivos esperados por conta da COP30”, destaca Inocencio Gasparim, titular da Seaster. 

PRIMEIRO OFÍCIO – A Seaster também atua junto às empresas, com o objetivo de sensibilizar as instituições a disponibilizar vagas de aprendizagem a jovens de 14 a 24 anos, em situação de vulnerabilidade social, por meio do programa ‘Primeiro Ofício’. Ao todo, mais de 2 mil jovens já foram inseridos em vagas de aprendizagem e mais de 80 empresas já foram certificadas com o Selo “Empresa Cidadã”. Além de promover a inclusão social e reduzir os índices de violência, a iniciativa reforça a garantia de cidadania e a execução da Lei de Aprendizagem (Lei 10.097/2000).

Fonte: Agência Pará/Foto: Pedro Guerreiro/Ag Pará

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,600SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Governo do Estado
banpara

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo