quarta-feira, maio 29, 2024
Desde 1876

Mauro Cid volta para casa após deixar a prisão

O tenente-coronel Mauro Cid, ex-ajudante de ordens do ex-presidente Jair Bolsonaro, voltou para sua casa nesta sexta-feira (3), após deixar a prisão. O militar estava preso desde 22 de março, depois que vazaram áudios onde ele conversava com um amigo, fazendo ataques à Polícia Federal (STF) e ao Supremo Tribunal Federal )STF).

A prisão foi justificada pelo fato dele ter desobedecido as regras impostas pela Justiça após a delação premiada. Cid teria assinado o documento de que não poderia falar sobre as investigações.

Nesta sexta, o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou a soltura do tenente-coronel que vai continuar cumprindo as restrições impostas, entre elas não se comunicar com outros investigados e usar uma tornozeleira eletrônica.

Mauro Cid é investigado por suspeita de fraude em cartões de vacinação e por tentativa de golpe de Estado.

Fonte: Pleno News/ Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,800SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Prefeitura
Banpara

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo