quarta-feira, julho 17, 2024
Desde 1876

MRN discute novos horizontes para a indústria da mineração durante a 4ª edição do Mining Innovation Summit

Com o tema “Por que inovar na mineração vale a pena”, a cidade de Belo Horizonte (MG) recebeu na última terça-feira (04) mais uma edição do Mining Innovation Summit, promovido pelo Mining Hub, o primeiro hub de inovação aberta do setor de mineração do mundo. A programação contou com a participação e apoio da Mineração Rio do Norte (MRN), sendo uma oportunidade para a troca de conhecimentos e a apresentação de iniciativas que visam levar a indústria para um futuro ainda mais promissor.

O evento foi estruturado em torno de três eixos temáticos: “Cultura e Geração de Valor”, “Impacto e Transformação” e “Tecnologia e Disrupção”. Esses eixos serviram como base para diversos painéis de discussão, onde líderes da indústria e especialistas em inovação compartilharam suas perspectivas sobre os principais desafios e oportunidades de inovação no setor.

A abertura do evento foi conduzida por Gustavo Lage, gestor de Projetos da MRN e atual presidente do Conselho do Mining Hub. Ele destacou os planos para construir uma mineração ainda mais sustentável e eficiente. “Por meio da inovação, temos o firme compromisso de aumentar a eficiência das operações da empresa, promover a transição energética e gerar um legado positivo para a sociedade e para o meio ambiente, contribuindo, desta maneira, para uma mineração mais sustentável”, afirmou Lage.

O diretor-presidente da MRN, Guido Germani, também participou do evento e destacou a importância do incentivo à inovação e vocação de MRN para liderar a inovação social e ambiental. “A MRN opera bauxita sustentavelmente há mais de 40 anos na Amazônia. Temos trilhado o caminho da inovação e modernizado nossas operações continuamente. Nosso intuito não é só ter processos mais eficientes, mas também inovar para reduzir impactos. A integração entre a mineração e o meio ambiente sempre foi fundamental para uma atuação responsável na região, e para mantermos o nosso forte compromisso social com as comunidades ribeirinhas e quilombolas vizinhas, focamos em iniciativas de desenvolvimento sustentável”, declarou.

Sobre o Mining Hub

O Mining Hub nasceu há 5 anos em função de algumas mineradoras, entre elas a MRN, sentirem a necessidade de uma maior troca de experiência na área da inovação, por meio de programas e ações realizadas de forma conjunta entre as diferentes empresas.

A iniciativa possibilitou o surgimento de ideias alinhadas com as novas tecnologias de impacto positivo tanto para as empresas quanto para as comunidades do entorno. Uma dessas importantes iniciativas, que conta com a presença da empresa, é o projeto de descarbonização do setor mineral, desenvolvido pelo Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM) e pelo Mining Hub. O projeto busca identificar oportunidades para reduzir as emissões de gases do efeito estufa e criar um plano diretor para a transição energética do setor.

Imagem: Divulgação

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,900SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Prefeitura

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo