quinta-feira, junho 20, 2024
Desde 1876

Imprensa espanhola denuncia novo escândalo a envolver Rubiales, Ceferin, Piquê e Messi

Em causa está a tentativa de desvio de Rubiales de fundos para compensar as perdas salariais que alguns jogadores sofreram durante a pandemia da COVID-19.

A manhã desta quarta-feira começou com o ‘The Objective’, a denunciar um novo escândalo a envolver Luis Rubiales, o antigo presidente da Real Federação Espanhola.

Numa altura em que os escândalos parecem não largar Rubiales, primeiro com o beijo não consentido a Jenni Hermoso e depois com o caso de corrupção na RFEF… agora o portal espanhol trouxe a público mensagens e áudios que alegadamente comprovam que o antigo dirigente “durante pelo menos três meses” negociou com Gerard Piqué, Lionel Messi e Aleksander Ceférin, presidente da UEFA, o desvio de fundos europeus para compensar as perdas salariais que alguns jogadores sofreram durante a pandemia da Covid-19.

Em 2020, Ceférin terá mantido várias videoconferências com Messi, Piqué e Rubiales para “desenharem um plano para redirigir os fundos e beneficiar os jogadores afetados pela crise sanitária”.

Segundo a mesma fonte, a última troca de informações aconteceu a 15 de junho de 2020, altura que Rubiales comunicou com Piqué que era necessário “retomar o tema dos fundos ou, pelo menos, sacar os ’30 kilos’ [30 milhões de euros]”, para poder colocar à sua “disposição”.

Com Aleksander Ceferin, Rubiales terá sugerido noutra conversa que 4% das verbas provenientes da exploração dos direitos televisivos da UEFA fossem canalizados para as associações nacionais e que, cerca de 50%, fosse para a compensação ligada à pandemia. Terá ainda sido proposta uma conversa “a quatro partes”, com Piqué e Messi.

O portal avança ainda que antigo central do Barcelona passou a ser informado de forma constante sobre o desenrolar dos acontecimentos, sendo que, o internacional espanhol passava a informação ao astro argentino, uma vez que este não domina o inglês.

O ‘The Objetive’ revela ainda que a conversa terá mesmo acontecido, a 14 de abril de 2020, com Piqué a querer enviar uma mensagem por ‘Whatsapp’ ao presidente da UEFA a agradecer, mas Rubiales sugeriu aos dois jogadores enviarem uma camisola autografada do Barcelona a Ceferin, como forma de demonstrar a sua gratidão e de “influenciar de forma positiva a resposta do dirigente desportivo”.

Rubiales revelou ainda a Piqué que o dirigente máximo da UEFA terá demonstrado preferência pelo Barcelona em detrimento do Real Madrid: “Eu digo isto porque ele me disse que na próxima semana vai fazer uma proposta, mas que é muito prudente […] soltou-se e começou a rasgar Florentino e o vosso presidente, mas deu a entender que já não adora o Real Madrid e que prefere o Barcelona…”

O portal espanhol acrescentou ainda que Leo Messi estaria “muito preocupado por manter a confidencialidade destas negociações porque podem ser questionada de um ponto de vista jurídico e ético”.

Imagem: Divulgação

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,800SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Prefeitura
Banpara

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo