quarta-feira, maio 29, 2024
Desde 1876

Experiências no saneamento básico na Amazônia são apresentadas em congresso do Ministério Público de Meio Ambiente, em Belém

A pouco mais de um ano da 30ª Conferência da ONU sobre Mudanças Climáticas (COP30), que acontecerá em 2025, em Belém–PA, o debate sobre logística reversa e o novo marco do saneamento com experiências exitosas de atuação na Amazônia foi tema de um dos painéis do XXII Congresso Brasileiro do Ministério Público de Meio Ambiente, realizado entre os dias 24 e 26 de abril, na capital paraense.

A Aegea Saneamento foi convidada a apresentar seus cases de sucesso, não só no Pará, mas em cidades como Manaus, no Amazonas e Ariquemes, em Rondônia. A empresa atua desde 2014 em Barcarena, região Metropolitana de Belém, por meio da concessionária Águas de São Francisco, que atua na captação, tratamento e distribuição de água tratada e coleta e tratamento de esgoto.

O gerente de responsabilidade social da Águas de São Francisco e da Águas de Manaus, Semy Ferraz, esteve no congresso e apresentou os dados e investimento do Grupo na Amazônia, pontuando o avanço no fornecimento de água tratada para a população barcarenense, que hoje conta com 82% da cidade coberta com a rede da empresa, além de 33% de cobertura de esgoto, quase três vezes mais que a soma do que tratam de dejetos, quatro, das maiores cidades do Pará.

“O Congresso debateu assuntos importantes para a população da Amazônia, ressaltando o papel do Ministério Público e a preocupação real com a universalização dos serviços do saneamento na região. Aproveitamos para apresentar as nossas experiências exitosas de Manaus, como a proteção dos vulneráveis, Tarifa Social e Tarifa 10, além de Barcarena, cidade que queremos, ter um ritmo mais intenso nos serviços de água e esgoto. Isso é qualidade de vida e saúde para o barcarenense”, pontuou.

INVESTIMENTNOS

Nos últimos anos, a concessionária Águas de São Francisco deu um salto no investimento para melhoria da infraestrutura de implantação de redes para levar água tratada aos moradores do município, além de coletar e tratar o esgoto, até o momento, foram mais de 160 km de novas redes para beneficiar mais de 90 mil pessoas.

SOBRE A AEGEA

Em 13 anos de trajetória, a Aegea já atendeu a mais de 31 milhões de pessoas em todo o país e está presente em mais de 500 cidades em 14 estados, operando em cidades com diversos portes (de 1,8 mil a 6,8 milhões de habitantes).

Imagens: Divulgação

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,800SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Prefeitura
Banpara

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo