segunda-feira, junho 24, 2024
Desde 1876

Corpo de mulher é escondido em buraco no asfalto de avenida

O corpo de uma mulher foi encontrado carbonizado e escondido em um buraco no asfalto em uma alça de acesso da avenida 23 de Maio, na altura da Praça da Bandeira, na região central de São Paulo, nesta terça-feira (26). No início da noite, a polícia prendeu um suspeito de matar a jovem, diz a Secretaria da Segurança Pública.

Em entrevista à Record TV, uma mulher contou que a vítima é sua prima de 18 anos, e que ela teria sido morta pelo próprio pai, um homem de 38 anos que teria praticado o crime para se vingar da mãe da jovem, de quem teria se separado.

A vítima havia desaparecido no último domingo (24), contou a prima à emissora. Ela disse que na segunda (25), o pai dela ligou para a família e confessou ter matado a filha.

Para transportar o corpo até o lugar onde seria abandonado, o homem teria usado uma espécie de cooler e pedido ajuda a um morador de rua para carregar o objeto. Só quando chegou ao local, segundo a prima, esse ajudante teria visto que se tratava de um corpo e fugiu.

Segundo ela, o morador de rua vive na região e avisou à família sobre a ocultação do cadáver. Depois disso, os parentes acionaram a polícia para investigar a denúncia. Ao chegar ao local, nesta terça, os agentes encontraram o corpo da jovem, como havia sido descrito pelo morador de rua. Ele estava em um trecho da Rua Asdrúbal do Nascimento, na alça de acesso à avenida 23 de Maio.

O homem foi preso em uma Praça da Vila Maria (Zona Norte), onde moram parentes dele. Segundo a Secretaria de Segurança, ele seria conduzido à Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) para prestar depoimento.

*AE

Fonte: Pleno News/Foto: Reprodução/Record TV

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,800SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Prefeitura
Banpara

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo