quarta-feira, maio 22, 2024
Desde 1876

Seaster implanta unidade produtiva do projeto “Hortas Sociais Pedagógicas” em Tracuateua

“Esse é um projeto muito necessário para nossa comunidade. Vai agregar nossos cidadãos e contribuir na renda mensal de nossos lares”, disse o líder comunitário Luciano Luiz Martins, uma das pessoas envolvidas no processo de implementação do projeto Hortas Sociais Pedagógicas, iniciativa que, na sexta-feira (05), inaugurou sua 21ª unidade produtiva na comunidade quilombola Vila Torres, no município de Tracuateua. 

O projeto tem como objetivo impulsionar a inclusão e promoção social de famílias em situação de risco, vulnerabilidade social e econômica que residem no interior do estado. As ações são desenvolvidas através do cultivo de frutas, legumes e verduras, que geram renda e garantem alimentação de qualidade na mesa das famílias envolvidas. 

Dona Liomar Gomes, 61 anos, nasceu na comunidade de Vila Torres e se diz muito emocionada com a vinda do projeto, pois ele auxiliará o fortalecimento de laços e convívio entre seus conterrâneos.

“É muito bonito ver a comunidade envolvida em torno de uma causa. Nos abraçamos este projeto, pois entendemos a força que ele pode trazer a nossa comunidade. Precisamos de atividades que gerem esse sentimento em nós. Para mim que já sou uma idosa, ver jovens e adultos trabalhando juntos é bonito demais”, disse.

No Pará, o projeto é coordenado pela Secretaria de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda, por meio de um convênio com a Fundação Banco do Brasil.

“Não é apenas uma horta, é formação, é empreendedorismo, é renda. O hortas muda a vida das famílias envolvidas e da comunidade como um todo. É uma grande satisfação estar inaugurando mais uma. A comunidade quilombola de Vila Torres acumula uma grande história e com certeza este momento será mais uma delas”, frisou o Diretor de Qualificação Profissional e Empreendedorismo da Seaster, Daniel Santos, que participou do evento.

Em Tracuateua, 10 famílias receberam capacitação, assessoramento e foram envolvidas diretamente no plantio e na comercialização.  Com atividades coletivas de produção sustentável, o projeto possibilita a gestão participativa e favorece o desenvolvimento econômico local com equidade e sustentabilidade. 

Zezinho Costa, prefeito dos município, participou do ato e reforçou a importância da parceria e da união de forças na implementação de políticas públicas que garantam a segurança alimentar. 

“A implantação desta horta vai ser de grande valia, não apenas para esta comunidade, mas também para o município como um todo. Agradeço imensamente ao Governo do Estado pela presença e participação na construção e implementação das políticas públicas aqui em Traquateua. O hortas sociais é reflexo desta colaboração mútua entre prefeitura e Estado”, pontuou.

Fonte: Agência Pará/Foto: Divulgação

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,800SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Prefeitura
Banpara

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo