segunda-feira, abril 22, 2024
Desde 1876

Professor de escola estadual conquista o ouro na Olimpíada Brasileira de Matemática

O professor Romis de Sousa Moraes, da Escola Estadual de Ensino Médio Dr. Romildo Veloso e Silva, no município de Ourilândia do Norte, no sudeste do Pará, conquistou a medalha de ouro na I Edição da Olimpíada de Professores de Matemática do Ensino Médio (OPMBr). 

omis de Sousa Moraes integrou o seleto grupo de 10 docentes medalhistas de ouro, entre 600 professores de todas as regiões do País que disputaram o evento educativo, promovido de modo online.

Alfabetizado pela própria irmã, dentro de casa, na zona rural do município, Romis viu na educação uma oportunidade de mudar de vida e transformar também a vida de outras pessoas. Um dos poucos da família a concluir um curso superior, o professor de matemática busca incentivar seus alunos a realizarem sonhos através da educação. 

“É uma felicidade enorme. Primeiro porque é uma realização pessoal muito grande, ficar entre os 10 do Brasil, sendo uma cidade do interior, do Pará, mas isso mostra uma força que nós mesmos, sendo do interior, podemos sim alcançar grandes êxitos. E esse foi um deles. E agora é pensar em um futuro, fazer um intercâmbio na China. A China é um dos países que figura entre os melhores na avaliação internacional PISA. Conhecer o que eles fazem, as práticas pedagógicas utilizadas lá, para que a gente possa trazer aqui para o Brasil, associar isso aqui, poder aplicar, aplicar aqui. Dentro de tudo, claro que a gente vai fazer as adequações à educação brasileira, mas esse é um grande intuito. E poder somar a educação paraense. Educação do mesmo município, do lado do norte, nesses quesitos”, contou o professor.

Premiação – Como prêmio, ele e os outros medalhistas de ouro vão embarcar, em setembro, para Xangai, na China, onde participarão de um intercâmbio técnico e cultural de 15 dias para conhecer o Centro de Educação para Professores da Unesco (TEC Unesco) na Universidade Normal da China. O país figura sempre entre os de melhor desempenho no Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (PISA).

Além do paraense, os estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro, Maranhão, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Paraíba, Bahia e São Paulo tiveram representantes medalhistas de ouro na competição que avaliou mais de 500 professores de todo país, em três etapas: uma prova, uma apresentação em vídeo (ilustrando o trabalho desenvolvido em sala de aula) e uma entrevista com membros do Conselho Acadêmico da OPMBr.

O Brasil ocupa hoje a 65ª posição no ranking de 81 países que participaram do último Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (PISA), divulgado no final do ano passado, levando em conta os resultados da área de Matemática. Por outro lado, faz parte da elite da Matemática mundial (nível 5 da International Mathematical Union – IMU) com pesquisadores e professores reconhecidos mundialmente.

Fonte: Agência Pará/Foto: Divulgação

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,600SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Governo do Estado
banpara

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo