domingo, julho 14, 2024
Desde 1876

Professores de universidades federais decidem pelo fim da greve em todo o país

Os professores das universidades federais decidiram encerrar ontem, domingo, 23, a greve nacional, deflagrada em abril deste ano em instituições de ensino superior de todo país. A decisão foi tomada após assembleias estaduais, que reuniram maioria favorável de votos à aceitação de uma proposta de reajuste enviada pelo governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no início deste mês.

Segundo o Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes), o comando nacional da greve decidiu encerrar as paralisações a partir desta quarta-feira (26), quando a entidade deve assinar um acordo junto ao Ministério da Gestão e Inovação a fim de consolidar os termos da proposta.

As paralisações deverão ser finalizadas até o próximo dia 3 de julho, ainda de acordo com a Andes.

Mais cedo, professores e técnicos-administrativos de Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia (IFs) e outras unidades de ensino básico, técnico e tecnológico mantidas pelo governo federal já haviam anunciado o fim da greve.

O governo federal ainda não fechou acordo com os técnicos-administrativos vinculados às universidades federais.

A Federação de Sindicatos de Trabalhadores Técnico-administrativos em Instituições de Ensino Superior Públicas do Brasil (Fasubra) rejeitou a proposta encaminhada pelo governo na última sexta, 21. A entidade deve se reunir nesta segunda, 24, para reavaliar as estratégias em relação à categoria.

Fonte G1

Imagem: ADUFC / Divulgação

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,900SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Prefeitura

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo