quarta-feira, julho 24, 2024
Desde 1876

Rio de Janeiro: Polícia Civil mata líder da maior milícia da cidade

Na tarde desta sexta-feira (7), policiais civis do Rio de Janeiro (RJ) mataram Rui Paulo Estevão, conhecido como Pipito, líder da maior milícia da cidade. A operação ocorreu na favela do Rodo, localizada no bairro de Santa Cruz, Zona Oeste da capital fluminense.

Pipito, considerado o braço direito de Zinho e o criminoso mais procurado do estado, foi morto durante um confronto com agentes da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (DRACO) e da Subsecretaria de Inteligência da Polícia Civil.

Segundo informações policiais, Rui Paulo Gonçalves Estevão foi atingido por disparos durante a operação e levado a um hospital da região, onde não resistiu aos ferimentos.

Nas redes sociais, o governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PL), comentou o ocorrido e reafirmou seu compromisso de frear o crime organizado.

– No momento da prisão, o criminoso atacou os agentes. Houve confronto e ele foi baleado. O recado está dado: vamos continuar combatendo o crime de maneira implacável, seja milícia, tráfico ou qualquer grupo mafioso – escreveu Castro.

O secretário de Estado de Polícia Civil, delegado Marcus Amim, disse que a ação desta sexta é mais uma demonstração de que quem manda no Rio de Janeiro é o Estado.

– Qualquer criminoso que tente dominar territórios e subjugar a população será alvo da Polícia Civil – reforçou Amim.

Fonte: Pleno News/ Foto: Instagram @policiacivil_rj

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,900SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Prefeitura

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo