domingo, julho 14, 2024
Desde 1876

STF vai vigiar as redes sociais e fazer rastreamento dos usuários no Brasil

Em uma medida surpreendente, o Supremo Tribunal Federal (STF) declarou que iniciará um processo de licitação para selecionar uma empresa responsável por vigiar as redes sociais em busca de menções relacionadas à instituição. Com informações da revista Veja, o contrato terá o valor de 345.000 reais e será válido por um ano, marcando mais um passo da Corte no seu esforço contínuo para enfrentar a propagação de fake news e ataques virtuais.

A empresa que ganhar a licitação terá a tarefa de monitorar plataformas como Facebook, Twitter, Youtube, Instagram, Flickr, TikTok e Linkedin sem interrupções, buscando entender o que é dito sobre o STF.

Além de analisar a reputação do Supremo nas redes, o trabalho incluirá identificar temas importantes discutidos pelos usuários e categorizar o conteúdo encontrado. Há também a expectativa de que a empresa contratada descubra as identidades dos indivíduos que disseminam essas informações — com foco particular nos autores de comentários negativos.

O monitoramento abrangerá até mesmo o georreferenciamento das postagens. O STF especifica que a ferramenta utilizada deve ser capaz de localizar usuários, influenciadores, discursos predominantes e origens geográficas das postagens, além de avaliar a influência e padrões das mensagens e possíveis campanhas organizadas online.

Os ministros do STF serão informados por meio de relatórios diários, semanais e mensais que destacam os influenciadores que discutiram temas ligados ao Supremo, analisando suas opiniões e alcance. O serviço incluirá também uma avaliação geral do impacto das mobilizações em torno de assuntos da Corte e seus efeitos na opinião pública.

Finalmente, a ferramenta não só fornecerá dados detalhados sobre a imagem digital da Corte mas também ajudará a reprimir ameaças dirigidas aos ministros. Se necessário, as informações coletadas poderão ser encaminhadas à Polícia Federal.

Fonte Rosinei Coutinho/SCO/STF

artigos relacionados

PERMANEÇA CONECTADO

0FansLike
0FollowersFollow
21,900SubscribersSubscribe
- PUBLICIDADE-
Prefeitura

Mais recentes

×
Pular para o conteúdo